quarta-feira, 25 de julho de 2007

O Fim de Uma Era Sombria na Bahia... Adeus ACM!


Com a Morte de ACM, a Bahia entra em uma nova Era, um momento que o povo deve aproveitar para refletir, do que o PFL (Agora Democratas), fez com aquele Estado...


É interessante ressaltar que toda a Mídia transformou ACM depois de morto em um Martir, chegando até a coloca - lo como peça fundamental para derrubar a Ditadura....

Esquecem de tudo que ele fez na Bahia e no Senado (Como violar o painel de votações), esquecem que ele sempre foi uma Liderança Conservadora que desrespeitva o direito do próximo, que apoiou a Ditadura Militar que sangrou nosso Povo e atrasou nosso País...

Esquecem também dos escandalos que ele foi ator principal como da famosa Pasta Rosa do Banco Econômico e também se esquecem que por causa de seu apoio a Ditadura, ele se tornou um mega Empresário das Comunicações, com a omissão de um Governo Corrupto que entregou todo aquele Estado para um Tirano...

Mas com certeza lembram que foi ACM quem iniciou todo o Processo de Privatização das TVS Brasileiras, colocando regras anti - nacionais que só as Redes de Televisão lucram e o Governo Perde...

É, agora vamos torcer para que a Direita bahiana e de todo o Brasil, decline mais e mais até o momento que nosso País se livre do julgo desses Coronéis...

Adeus ACM...

***Artigo de Marcello Barbosa.

Ministro Militar Sugere Golpe!

Companheiros, não podemos imaginar o que passa nas cabeças desses tubarões da Direita, nesta matéria um Militar sugere um golpe ao nosso Governo Popular do Presidente Lula...
Até aonde esses Conservadores assassinos podem ir??? Leiam está matéria e perceberam como ainda não estamos livres de pessoas que ainda acham que o golpe sangrento de 64 foi uma revolução vitoriosa...

Mídia Eleva Tom Contra Lula e Ministro Militar Sugere Golpe

O tom das críticas ao governo Lula, em função da crise no setor aéreo, vem subindo crescentemente na mídia. O editorial do jornal O Estado de S. Paulo, nesta terça-feira (24), fala em "governo desacreditado" e "colapso do lulismo em matéria de permitir, em última análise, que o país funcione". O Estadão refere-se ao Presidente da República como "o inexperiente Lula, o qual na irrefutável constatação de Orestes Quércia, em 1994, nunca dirigiu nem um carrinho de pipoca, antes de ambicionar o Planalto". Na mesma direção, o colunista Clóvis Rossi, pergunta hoje, na Folha de S. Paulo: "se o país é incapaz de segurar um avião na pista, vai segurar o quê?".O jornal O Globo, também em editorial, diz que "a crise é mais profunda do que se quer fazer crer". Também no Globo, Dora Kramer diz que "à corriola governamental tudo é permitido: agredir o público com grosseria, com leviandade, com futilidades, com fugas patéticas ao cumprimento dos deveres, com indiferença, vale qualquer coisa se a anarquia tem origem nas hostes governistas" . "Corriola", em seu uso informal, significa "grupo de pessoas que agem desonestamente ou de forma inescrupulosa; quadrilha".

Ministro do STM sugere golpe o tom das palavras sobe também em alguns setores da sociedade. Além da desqualificaçã o do governo federal, com o uso de adjetivos cada vez mais pesados, começam a aparecer também discursos de caráter golpista. Um exemplo: "O que podemos dizer a esses ilustres jovens militares. Não desistam. Os certos não devem mudar e sim os errados. Podem ter certeza de que milhares de pessoas estão do lado de vocês. Um dia, não se sabe quando, mas com certeza esse dia já esteve mais longe, as pessoas de bem desse País vão se pronunciar, vão se apresentar, como já fizeram em um passado não muito longe, e aí sim, as coisas vão mudar, o sol da democracia e da Justiça brasileira vai voltar a brilhar". A declaração foi feita pelo ministro do Superior Tribunal Militar, Olympio Pereira da Silva Junior, durante a entrega de espadins a alunos que ingressaram nas academias militares do Exercito, Marinha e Aeronáutica, em julho deste ano. Ao saudar os novos alunos, Olympio Junior critica a situação política do país, faz uma apologia da honra, da moral e do patriotismo, lamentando que os jovens cadetes não poderão manusear os instrumentos militar que conhecerão no treinamento. Ele diz: "Aqueles jovens, ainda puros, não sabem que vão estudar (e como vão estudar, durante toda a carreira) tudo sobre a arte da guerra e do combate e vão conhecer e aprender tudo sobre equipamentos e instrumentos militares, os mais modernos do mundo, mas que na realidade nunca irão manusear porque, no nosso País, não se acredita ser necessário a compra de armamento/equipamen to militar para ficarmos em igualdade bélica a outras nações". E critica a condição dos militares em relação aos demais funcionários públicos: "Preparam-se, por toda a carreira, para dedicarem-se e ser fiel à Pátria, cuja honra, integridade e instituições deverão ser defendidas mesmo com o sacrifício da própria vida e têm, mesmo assim, seus vencimentos tão diferenciados de outros funcionários públicos que nunca deram nem vão dar nada ao País, pois dele só querem benesses, vantagens e lucros e o que é pior, porque ninguém faz nada a respeito e calam-se diante dessa imoralidade" .
O texto do ministro foi publicado em sites nacionalistas de direita como "A verdade sufocada" e "Terrorismo nunca mais". Bacharel em Direito, Olympio Junior ingressou na carreira do Ministério Público Militar em 1976, tendo sido designado pelo então presidente, general Ernesto Geisel, para assumir a Procuradoria junto à Auditoria da Justiça Militar, em Juiz de Fora (MG). Desde 18 de novembro de 1994, é ministro do STM. Qual é mesmo o papel da Justiça Militar no Brasil? Segundo o site do STM, é julgar "apenas e tão somente os crimes militares definidos em lei". O texto de apresentação do órgão faz um elogio da "independência, altivez e serenidade do órgão": "no período de regime militar de 1964 a 1984, levou juristas famosos na luta em defesa dos direitos humanos, como Heleno Fragoso, Sobral Pinto e Evaristo de Morais, a tecerem candentes elogios à independência, altivez e serenidade com que atuou o Superior Tribunal Militar na interpretação da Lei de Segurança Nacional e na aplicação dos vários Atos Institucionais" .

Há um caldo de cultura perigoso formando-se no ambiente político brasileiro.

***Reportagem de Marco Aurélio Weissheimer e publicada no site da Agência Carta Maior

sábado, 7 de julho de 2007

Os Estudantes de Itaquá Comem D+!!!


Nota do Blogueiro: Fala sério gente, só faltava essa, agora o Poder Público Municipal dizer que nós estudantes comemos muito! Daqui a pouco vão falar que repiramos muito também!!!

Veja essa matéria que me enviaram e o video da REDE GLOBO:


Algumas prefeituras brasileiras não estão preocupadas com a qualidade nem com a quantidade das merendas escolares servidas a crianças de escolas públicas -- e pagam assim mesmo à empresa contratada, até mais do que deveriam.

Nutricionistas estão preocupadas com o conteúdo das merendas, advogados denunciam contratos que beneficiam as empresas e sofrem ameaças.

Canjica é o prato do dia. No café, no almoço, no lanche e no jantar. É os que as escolas de Cotia, na Grande São Paulo, servem às quartas-feiras. Na terça, é pudim com biscoito ou com banana o dia inteiro. “A mesma coisa que serve de manhã, serve de tarde e serve à noite”, confirma uma funcionária da cozinha.

Este foi o cardápio de maio da SP Alimentação, a empresa que fornece a merenda. “Tem vezes que é arroz, feijão, tem vez que é pão com salsicha, tem vez que é pão com carne”, conta a aluna Andressa de Souza, de 10 anos.

A SP é uma das maiores do mercado. Tem contrato em Cotia e em mais 32 cidades em nove estados. Nos municípios que o Jornal da Globo visitou, a empresa usa a cozinha das escolas para preparar a merenda e os produtos ficam estocados por lá mesmo durante uma semana. Até os funcionários, em muitos casos, são da prefeitura. Tudo como era feito antes da terceirização.

“Algumas coisinhas que eles implementaram aí são deles, mas a maior parte é tudo daqui mesmo”, confirma outra funcionária.

Em Sapucaia do Sul, Rio Grande do Sul, o nutricionista José Adelino Dacanal mostra os relatórios que fez para a prefeitura sobre a qualidade dos alimentos da SP. “Havia feijão, por exemplo, de safra velha, que não cozinhava. Já foi encontrado feijão bichado, carne bovina com muito índice de gordura, nervos e aparas”, detecta.

O prefeito de Sapucaia, Marcelo Machado, diz que é exagero: “É uma denúncia infundada. Temos uma alimentação escolar de excelência”.

Os negócios da SP Alimentação prosperam rapidamente - como em Itaquaquecetuba, São Paulo. No primeiro mês de contrato, a SP Alimentação entregou 826 mil refeições em escolas estaduais de Itaquaquecetuba, segundo a prefeitura. No mês seguinte, o mesmo número de estudantes consumiu três vezes mais. Mas isso só seria possível se nenhum aluno faltasse e se cada um repetisse três vezes o prato todos os dias.

Um estudo encomendado pela própria prefeitura diz que, se ela fizesse a merenda, o gasto seria de R$ 7 milhões por ano. Com a terceirização, a despesa hoje passa dos R$ 16 milhões.

O prefeito de Itaquaquecetuba, Armando Tavares Filho, acha que as crianças comem demais: “O aumento é porque subiu o número de merendas. Se o aluno come uma refeição, ele passou a comer duas, três refeições, e é a prefeitura que paga”, diz ele.

O pagamento é garantido. Duvidosa é a fiscalização. Em três horas de entrevista, o prefeito, o secretário de Educação e o de Finanças não souberam informar quantos alunos tem a cidade.
“Eu estou no telefone com a diretora e ela não tem acesso à informação da diretoria regional de ensino. Não há no arquivo também”, diz Luiz Ferreira da Silva, secretário de Educação de Itaquaquecetuba.

“Eu vou passar a fiscalizar melhor pra ver como isso está acontecendo nas escolas estaduais e nas escolas municipais”, garante Tavares Filho.

Em Itaquaquecetuba, o cardápio também é único. “Hoje é o dia inteiro macarrão com presunto”, informa um funcionário.

“Às 8h00, às 14h00, às 15h, não é horário de você comer uma refeição principal”, afirma Gilma Storion, especialista em nutrição.

Gilma, que é professora do curso de ciência dos alimentos da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, ligada à USP, analisou o cardápio. E concluiu: ele é um incentivo à obesidade infantil.

“Ele é altamente calórico e está muito deficiente em frutas, hortaliças e cereais integrais, que é o que deve ser incorporado no hábito das crianças nessa faixa de idade”, confirma.

Em Itaquaquecetuba, a merenda custa R$ 0,99. Em Cotia, também na Grande São Paulo, a mesma merenda é 11% mais cara, o que não chega a incomodar o secretario de Educação da cidade:

“Antes se gastava R$ 1,57 por merenda e hoje nós gastamos bem menos e tem merenda. Antes não tinha”, comemora Marcos Martinez.

Mantida a diferença, num contrato de cinco anos, a prefeitura pagará R$ 3 milhões a mais. Os números são assim, em milhões, no ramo da merenda escolar - a área em que atua o advogado Sidney de Queiróz. Ele já conseguiu barrar judicialmente dezenas de terceirizações sem controle.

“Não há controle efetivo dos produtos, não há controle efetivo da quantidade, da medição das refeições servidas; cobra-se por refeição servida e, principalmente, não se sabe a procedência do produto”, diz ele.

O trabalho do advogado já rendeu ameaças. A mais recente, ele gravou. E a voz do outro lado da linha não deixou a menor dúvida: merenda escolar não é assunto para criança. “Você está impugnando todos os editais, entendeu? São as empresas de alimentação, o senhor sabe o que é, o senhor não é bobo. Depois que estiver na nossa mão, estiver jogado dentro do cativeiro, sendo picado e sofrendo, aí não adianta pedir pelo amor de Deus, não adianta pedir por ninguém!”, ameaçou a voz do outro lado da linha.

O contrato da SP Alimentos em Maceió, Alagoas, foi cancelado pela Justiça, por preço abusivo. A empresa SP Alimentos foi procurada durante três dias pela reportagem do Jornal da Globo, mas não quis comentar o assunto.

***Artigo de Mauricio Ferraz e Alexandre Hisayasu

sexta-feira, 6 de julho de 2007

Itaquá Ganhou Um Presente de Grego...



Nesta ultima quinta feira (dia 05 de julho) foi inaugurada a segunda Uniadade da FEBEN (Agora com novo nome: Fundação Casa) no Bairro do Jardim América.


Segundo as autoridades presentes, essa Unidade da Fundação Casa, será um avanço para o Municipio, como a primeira, que hoje é considerada uma Unidade Modelo...

É importante ressaltar que a população de Itaquá é contra a implantação de Unidades da Fundação Casa e Presídios, mas o Governo Municipal e o Governo Estadual ignora a população... Hoje o Povo de Itaquá precisa de mais investimentos na Juventude com a ampliação da Fatec, com a vinda de uma ETE (Escola Técnica Estadual), um SESI, um SENAI, o povo quer verdadeiro investimento na Juventude...

A cada ano se formam no Ensino Médio uma média de 10 mil jovens, que não têm uma Faculdade ou Curso Técnico em Itaquá para prosseguirem seus estudos gratuitamente (A Fatec não comporta a demanda de Itaquá)...




Agora devemos torcer para que esta Unidade da Fundação Casa, seja uma Fundação Humana e não um Campo de concentração (a exemplo de outras do Estado), vamos torcer que ela cumpra o papel de educar este jovem infrator, para quando ele sair de lá, possa se integrar realmente na Sociedade...




***Artigo de Marcello Barbosa

segunda-feira, 2 de julho de 2007

Fundamentalismo Religioso: Uma Praga Que Resiste em Pleno Século XXI




Estamos no século XXI, em plena a era da Informática, onde temos livre acesso a comunicação (apesar de deturpada as vezes) e onde o planeta deveria se lembrar de nosso passado... Por quê lembrar de nosso passado? Simplesmente por que cometemos as mesmas burradas de séculos atrás...

Vivemos eu um país democrático, mas com um sério problema que está se mostrando cada vez pior: O Fundamentalismo Religioso. Para demonstrar isso poderia citar a perseguição as religiões afro – brasileiras, as religiões não cristãs, ao machismo religioso e etc. mas podemos demonstrar em dois temas principais que nosso país debaterá em um curto espaço de tempo dois temas que mexem com toda a sociedade: a união civil entre homossexuais (casamento civil entre homossexuais) e a legalização do aborto. Vamos comentar um de cada vez:

« União Civil Entre Homossexuais: Pela lógica democrática, que rege nosso País, todo cidadão tem o direito de fazer o que quiser, se não ferir o direito de outro cidadão, então pela lógica democrática a união civil de homossexuais deveria já existir e ser tratada normalmente, pois se um casal homossexual se ama, ele simplesmente tem o direito de se unir formalmente e não vai ferir o direito de uma terceira pessoa. Mas essa questão é tratada com descaso por nossas autoridades que se apegam ao Fundamentalismo de suas crenças, dizendo que “Deus” não permite o homossexualismo e assim esse grupo preconceituoso interfere na vida de milhões de pessoas, dizendo que só fazem a vontade de “Deus”. Assim, o preconceito se torna Teocracia e destrói nossa Democracia... O mais contraditório é que esse Fundamentalismo é baseado nos ensinamentos de um Profeta que pregou o Amor e agora seus seguidores pregam a ameaça e o autoritarismo...
O pior nessa situação e que as Igrejas (quando me refiro a Igrejas, quero dizer todas, desde a Católica à Evangélica, que predominam em nosso país) colocam os homossexuais como desviados do “bom caminho”, doentes, sujos e criminalizados, chegando ao ponto de proporem a ressocialização desta pessoa, garantindo sua integração a sociedade, elas contam com uma grande aliada: a Valorosa Mídia, que transforma o homossexual em um palhaço para ser assistido e para o telespectador rir ou esbravejar que estamos no fim do mundo. Quando se trata de democracia a Igreja tem nota zero, por querer impor seu modo de pensar, um modo que parou no tempo a 500 anos atrás, este mesmo pensamento que levou milhares de “hereges” para a fogueira...
Muitas vezes achamos um absurdo as guerras religiosas no Oriente Médio, mas existe no Brasil uma guerra onde só um lado ataca (a igreja) e o outro se defende (quem discorda dela), isso gera uma grande destruição, uma destruição emocional, social e principalmente ética...
Se é Amor, não importa como seja muito mesmo com quem seja, somente importa se é Amor, então nossos Fundamentalistas de plantão devem respeitar nossa democracia, respeitar o direito individual do próximo. HOMOSSEXUAIS GRITEM!!!

« Legalização do Aborto: Voltando a lógica democrática... Faça o que quiser, mas não interfira no bem estar do próximo, mas um aborto afeta três partes: mãe, pai e filho... Vem a questão: “Aborto, Sim ou Não?”. Hoje a grande mídia deturpou o assunto, pois o debate é em torno da legalização e não se você é a favor ou não, então a questão é: “Legalização do Aborto, Sim ou Não?” Qual a Diferença??? Quando eu pergunto se você é a favor do aborto, logicamente você dirá não, pois ninguém é a favor do aborto, mas quando se pergunta sobre a legalização do aborto, se quer dizer se deve – se descriminalizar o aborto, pois hoje ele é considerado um crime... Imagina uma mulher que por algum motivo grave abortou, foi para um hospital público pois algo deu errado, descobriram que ela abortou, com certeza vai Ter algum tipo de humilhação e depois ela sai do hospital e vai direto para a cadeia???
Agora você deve estar me odiando, pensando que sou a favor de matar bebês, mas não sou! Pense comigo: Hoje no Brasil, muitas mulheres abortam, mas como isso é um crime, elas acabam procurando “médicos açougueiros” que fazem esta cirurgia de uma forma grotesca, que muitas vezes deixa essa mulher estéril, podendo também não conseguir abortar a criança e ela nascer doente ou no pior dos casos, a mãe e a criança podem morrer... Com a legalização, esta mulher que por algum motivo quer abortar, não correrá tantos riscos como hoje, pois ela procurará uma Clinica de verdade e não usará de métodos da idade da pedra, cheios de riscos... Lembrando que com a legalização do aborto, não aumentará o numero de abortos, pois com a legalização ninguém é obrigado a abortar, simplesmente dará mais segurança a esta mulher que por algum motivo (emocional, financeiro, social, etc.), não quer ser mãe...
Hoje o debate travado é um debate extremamente religioso, onde as Igrejas, defendem a vida da criança, mas se esquecem da vida da mulher; Onde as Igrejas querem impor algo sem notar a realidade, que vivemos em um país pobre, onde quando uma mãe engravida ela se alegra em primeiro momento, mas se entristece em pensar que o filho vai passar fome, junto com ela; Onde as Igrejas impõe demais e fazem melhorias de menos...
A legalização do aborto tem um único objetivo: Salvar mulheres que no desespero fazem qualquer tipo de aborto (mesmo que seja feito por um açougueiro). A legalização do aborto é um problema de saúde pública e não um problema de desvio religioso. Sou contra o aborto, por se tratar de tirar o direito de um cidadão viver, mas a favor de sua legalização, para que essas mulheres desesperadas por algum motivo possam serem tratadas com o mínimo de respeito e dignidade e tenho a certeza que, nossos Líderes Políticos e Religiosos deveriam se calar e ouvir as mulheres, que não conseguem espaço para se pronunciarem... MULHERES GRITEM!!!!

Agora reflita, será que a religião deve se misturar a política? Será que as Igrejas devem impor seus pensamentos e dogmas politicamente? Será que as Igrejas estão abertas ao século XXI? Existe ou não uma Ditadura religiosa que desrespeita nossa Soberania Democrática? E você deve impor o que sua religião prega? Analisem....

***Artigo de Marcello Barbosa

Crie Vergonha Na Cara!!!


Há momentos que temos que acordar, e devemos nos tocar que tudo que somos reflete na sociedade... Devemos acordar, criarmos vergonha em nossas caras e começar a Ter uma real atitude, e se não concordarmos com esse sistema social excludente, devemos lutar contra ele, devemos parar de falar e agir mais...

È fácil falar que o país tá uma merda e culpar os políticos, é fácil falar que a violência tá gigantesca e culpar os criminosos, é fácil falar que o meio ambiente está sendo destruído e colocar a culpa nas Industrias... O que você faz para mudar???

Você pode até falar, que mudar o mundo é impossível e quem tem que tentar melhorar nosso país são os políticos que você vota... Se você falou isso você é um safado! Que joga a culpa para as outras pessoas, sendo que se você quer mudar alguma coisa, você deve começar a mudança por você mesmo... Se o Mundo está ruim é o reflexo que você está ruim... Veja:

Se o político que você elegeu é preguiçoso é culpa sua por não Ter coragem de cobra – lo...

Se a violência está grande é que você não tenta lutar por melhorias sociais, já que você é uma pessoa que pode estar tranqüila em sua casa enquanto seu vizinho passa fome...

Se o meio ambiente está prejudicado é por que você joga água fora lavando seu carro, fazendo fogueiras de São João ou simplesmente joga um plástico de bala no chão (ele leva 400 anos para se decompor)...

Escutando um CD acústico da Legião Urbana, eu ouvi o Grande poeta Renato Russo dizendo “Se você quiser melhorar o mundo, comece a melhorar você mesmo, já é uma grande coisa”. Vote Certo, Cobre sempre, pense antes de jogar aquele papelzinho no chão, pare de brincar no banho, ajude o próximo, não fuja de suas responsabilidades, resumindo, seja melhor.

Já terminei este texto, mas agora veio algo chato na minha cabeça: quantas pessoas vão ler isto? Quantas vão refletir? Quantas vão esnobar? Realmente é difícil entender a raça humana...

***Artigo de Marcello Barbosa
Ocorreu um erro neste gadget

Simplicidade é Tudo...

Simplicidade é Tudo...
A Complexidade é Simples...