sexta-feira, 29 de outubro de 2010

CIET Guarulhos Tem 3 mil Vagas de Empregos!

O Centro Integrado de Emprego, Trabalho e Renda (CIET) de Guarulhos, está com 3.186 vagas. Há oportunidades para as áreas de operador de telemarketing, ajudante de carga e descarga, entre outros. Os interessados devem acessar o site  http://www.guarulhos.sp.gov.br/

Nota do Blogueiro: Com o Governo Lula e da Ministra Dilma o Brasil avançou e cresceu! Agora é Dilma 13! Dilma Presidente!!!
 

Conheça o Serra do Bem!

Algumas Verdades Sobre o candidato Serra! Conheça um pouco de sua história e seu trabalho!

Serra não criou o Seguro Desemprego:

Serra não criou o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT):

Serra não criou os Genéricos:

Serra é a favor do Aborto:

Serra foi Reprovado como Deputado Constituinte:

Serra adora Privatizar!

Serra Promete salário de R$ 600,00 mas não sabe como fazer!

Serra e a Violência:

Serra e a Censura:

Serra e FHC e a Corrupção

Serra e os sanguessugas:

Serra e a Corrupção no Metrô



quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Abertas Mais de 8 Mil Vagas de Estágio


Que tal descolar uma vaga de estágio e aprender mais? E que tal se essa vaga for nos órgãos e entidades do Governo do Estado de São Paulo? Se interessou? Então aproveite o Programa de Estágio do Governo do Estado de São Paulo.

Ao todo são oferecidas mais 8430 vagas distribuídas por todo o estado para estudantes tanto da rede pública quanto da rede privada. São 6180 vagas para estudantes do ensino superior, 1351 para estudantes de ensino médio e 899 para quem está no ensino técnico.

Se você for selecionado, além da oportunidade de estagiar no governo do estado, receberá bolsa auxílio entre R$ 420,00 e R$ 750,00 de acordo com a vaga. Para se inscrever, basta entrar no site da Fundap e fazer a inscrição até as 18h do dia 5 de novembro. A taxa de inscrição é de R$ 15,00. No dia 12 de dezembro, acontecerá uma prova de seleção, em 47 cidades do estado, com três horas de duração.

E ai, se interessou? Corre pro site, clicando aqui.

Nota do Blogueiro: Com o Governo Lula e da Ministra Dilma o Brasil avançou e cresceu, com isso São Paulo mesmo tendo um Governo ruim conseguiu se equilibrar! Agora é Dilma 13! Dilma Presidente!!!

CORRUPÇÃO TUCANA!!! Herança de Serra!!!

PT-SP quer que Ministério Público apure escândalo envolvendo licitação do Metrô

(Do site pt.org.br) - O deputado Jilmar Tatto (PT-SP) informou nesta terça-feira (26) que a bancada estadual do PT entrará com uma representação no Ministério Público (MP) para investigar o vazamento, seis meses antes, do resultado da licitação para a construção de novos trechos do Metrô de São Paulo.

Os parlamentares querem apurar as suspeitas de fraude no processo licitatório, que só foi publicamente conhecido na ultima quinta-feira (21). No entanto, o jornal Folha de S.Paulo já conhecia os consórcios vencedores há seis meses.

"Desde que os tucanos assumiram a administração do estado de São Paulo surgiram várias denúncias de fraude e corrupção em licitações no estado. No entanto, nenhuma das denúncias foi investigada por meio de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) porque os tucanos barraram todas. Já que a Assembléia legislativa não apura, vamos pedir ao MP que investigue", disse Jilmar.

O episódio do vazamento dos vencedores da licitação do metrô, associado aos demais escândalos envolvendo os tucanos, disse Jilmar Tatto, são uma pista de como poderia ser a gestão de Serra, na hipótese de ocupar o cargo de presidente.

Fachada
Na avaliação do deputado Carlos Zarattini (PT-SP), o vazamento antecipado dos consórcios vencedores do processo de licitação demonstra que todo o procedimento serviu apenas como fachada para encobrir os acordos entre as empreiteiras e o governo. "Isso é um importante indício de fraude. Se a licitação foi suspensa por um período, e mesmo assim os vencedores continuaram os mesmos, é prova de que as empreiteiras fizeram uma combinação para manter as margens altíssimas de lucro e provavelmente levar algum benefício para pessoas ligadas ao governo", denunciou.

O parlamentar também reclamou da falta de investigação das fraudes tucanas, tanto pelo MP, quanto pela Assembléia Legislativa do Estado.

Fraude
Entre os dias 20 e 23 de abril deste ano, o jornal Folha de S.Paulo registrou o nome dos vencedores da licitação em um vídeo e também no 2º Cartório de Notas de SP. A licitação foi aberta em outubro de 2008, quando o governador de São Paulo era José Serra (PSDB), que no início de abril deste ano entregou o governo para o seu vice, o tucano Alberto Goldman, para disputar a Presidência da República.

O resultado da licitação foi conhecido previamente pela Folha apesar de o Metrô ter suspendido o processo em abril e mandado todas as empresas refazerem suas propostas. A suspensão do processo licitatório ocorreu três dias depois do registro dos vencedores em cartório. O valor dos lotes de 2 a 8 passa de R$ 4 bilhões.

*****Fonte: Site do Deputado Zarattini (PT-SP)  http://www.zarattinipt.com.br/

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Habib’s em Itaquá Abre Vagas!!!


Habib’s em Itaquá Abre Vagas!!!

O Habib’s de Itaquaquecetuba está selecionando pessoas para as seguintes vagas:

*Ajudante de Cozinha;
*Cozinheiro;
*Chefe de Cozinha;
*Garçom;
*Auxiliar de Serviços Gerais;
*Recepcionista;
*Operadora de Caixa;
*Supervisor de Salão.

Os interessados devem comparecer nos dias 25/10 à 29/10 ou de 03/11 à 05/11 às 9h00 ou às 14h00 no Endereço: Estrada de Santa Isabel, 1.100 (Espaço Cidadão – Banco do Povo de Itaquaquecetuba) ao lado da Padaria Aritana.

Para mais informações envie um e-mail para: grh@habibs.com.br

Leve todos os documentos necessários e um currículo!

Aprenda a fazer seu Currículo!

Nota do Blogueiro: Este é o Governo Lula! Criando a cada dia que se passa mais empregos!!! Para continuar avançamdo é Dilma 13 Presidente!

13 Compromissos de Dilma Com a Juventude!!!

13 Pontos da Juventude para o Brasil Seguir Mudando
 
1 – Garantir ao jovem brasileiro acesso a uma escola de qualidade que combine ensino geral e ensino técnico, aprofundando as políticas de expansão do ensino, com ênfase na ampliação do ensino fundamental integral, na melhoria de qualidade do ensino médio e no fortalecimento da rede de ensino técnico e profissionalizante;

2 – Aumentar a escolaridade da juventude, implementando políticas com vistas a erradicar o analfabetismo, a combater a evasão e a reduzir a defasagem idade/série;

3 – Ampliar a oferta de ensino superior público e garantir a qualidade para o ensino superior privado;

4 – Promover a inclusão digital e tecnológica da juventude no campo e na cidade por meio da ampliação do Plano Nacional de Banda Larga, integrando as demandas de educação e de qualificação profissional;

5 – Promover a geração de trabalho decente para os jovens, combatendo sua precarização e a entrada precoce no mundo do trabalho;

6 -  Fortalecer as políticas de convivência e integração da juventude, no campo e na cidade, com a implementação de mais equipamentos públicos de lazer, esporte e cultura;

7 – Desenvolver programas para acesso e produção de bens culturais voltados para a juventude tendo os próprios jovens como agentes de sua produção, implementação e gestão;

8 – Ampliação do acesso dos jovens à rede pública de saúde, contemplando as especificidades desse segmento, por meio de uma política nacional de saúde preventiva e da capacitação de recursos humanos para o trabalho com a juventude;

9 – Promover a participação da juventude nos programas relacionados aos grandes eventos esportivos, como Copa do Mundo 2014 e Olimpíadas 2016 e fortalecer a política de esporte nas comunidades por meio da estruturação de espaços públicos, da produção e da distribuição de equipamentos e incentivo aos programas de desenvolvimento esportivo;

10 – Ampliar e fortalecer as políticas que promovam os Direitos Humanos, o combate à discriminação, a valorização da diversidade, considerando-se a transversalidade com as diversas áreas e políticas governamentais;

11- Fortalecer as políticas de segurança que incorporem as especificidades da juventude na prevenção, na interação com os operadores de segurança pública e na redução da violência, garantindo ao jovem o seu desenvolvimento saudável e seguro;

12 – Fortalecer ações específicas para a juventude do campo, combatendo o êxodo rural, garantindo a sucessão da agricultura familiar, valorizando o meio rural como espaço de desenvolvimento e qualidade de vida dos jovens;

13 –  Consolidar institucionalmente as políticas públicas de juventude transformando-as em políticas de Estado, garantindo o fortalecimento da  participação popular na elaboração e no controle social das ações e fortalecendo o organismo executor, coordenador e articulador da Política Nacional de Juventude.

Agora é Dilma 13!

Onda Vermelha em Itaquá Nesta Terça Feira!

Companheirada,

Nesta terça feira teremos uma onda Vermelha em Itaquá! A Juventude do PT do Alto Tietê fará um Mutirão em campanha por Dilma 13 na Cidade!!!

Estaremos fazendo nossa Concentração na Estação de Itaquá e de lá iremos fazer um mutirão com panfletaço e adesivaço na Cidade!!!
Compareça e vamos junt@s eleger Dilma!!!

Data: 26/10 (Terça Feira)
Horário: 15h00
Local: Ponto de Encontro na Estação de Itaquá

Agora é Dilma 13!!!

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Chegou sua hora! 800 Novas Vagas Para Varejo e Serviços em SP

Para quem quer arrumar um emprego no setor de varejo e serviços nesse final de ano a Plano1, agência de promoções e eventos em São Paulo, abriu 800 vagas.

A participação na seleção pede que o candidato tenha ensino médio concluído, seja comunicativo, interesse na área comercial e possa trabalhar aos finais de semana e no período noturno.

As vagas são divididas em 400 para demonstradores, 250 para repositores, 100 para supervisores e 50 para recepcionistas de eventos e o processo terá entrevista e dinâmica de grupo. O salário varia entre R$600 e R$1.500 e ainda conta com vale-transporte, vale-refeição e ajuda de custo.

Para tentar descolar uma das vagas basta ir à rua Hungria, 574 - 18º andar - Jardim Europa (Marginal Pinheiros na altura da ponte Cidade Jardim) de segunda a sexta feira, das 9h às 16h ou cadastrar currículo no site da Plano1 até o dia 19 de novembro.


Nota do Blogueiro: Com o Governo Lula da Ministra Dilma é Assim, Vagas de Emprego Sendo Criadas a Todo Momento! Para Isso Continuar é Dilma 13 Presidente!!!

Muitas Vagas! Redes de Fast Food Oferecem 521 Oportunidades de Emprego!!!

Que tal descolar nesse final de ano um emprego de atendente em uma rede de fast-food? Começam no dia 26 de outubro as inscrições para a seleção de 521 novos atendentes para quatro redes de lanchonete.

A seleção desses novos atendentes será feita em parceria entre o Centro de Apoio ao Trabalho (CAT) e a Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico e do Trabalho. Para participar, a exigência é disponibilidade de horário, ter a idade mínima de 16 anos, ensino médio completo, noções básicas de informática e seis meses de experiência. Mas, uma boa notícia para os que nunca trabalharam. Desse total, 300 vagas aceitam candidatos sem experiência anterior.

Com salários entre R$ 510,00 e R$750,00 dependendo da rede, os selecionados ainda recebem uniforme, vale transporte, vale refeição e assistência médica. Além disso, todos recebem treinamento em organização, atendimento ao cliente e técnicas de manipulação de alimentos.

Se interessou? Só levar sua carteira profissional, RG e CPF a um posto do CAT mais próximo. Mais informações podem ser obtidas pela Central de Atendimento ao Munícipe no telefone 156 ou pelo site da Secretaria Municipal do Desenvolvimento e do Trabalho www.prefeitura.sp.gov.br/trabalho. Veja a lista completa dos endereços do CAT.

*ZONA CENTRAL
- CAT Luz
Av. Prestes Maia, 913 / 919
Das 7 às 18h ( Seg. a Sexta ) Das 7 às 13h ( Sábado )
Intermediação de Mão de Obra / Seguro-Desemprego / Carteira de Trabalho / Jovem Cidadão / Pacet / SP Confia

*ZONA LESTE
- CAT Itaquera
Rua Gregório Ramalho, 12
Das 7 às 18h ( Seg. a Sexta ) Das 7 às 13h ( Sábado )
Intermediação de Mão de Obra / Seguro-Desemprego / Carteira de Trabalho / Pacet

- CAT Penha
Rua Candapuí, 492 (dentro da Subprefeitura da Penha)
Das 7h às 18h (Seg. a Sexta) Das 7h às 13h (Sábado)
Intermediação mão-de-obra / Carteira de Trabalho / Seguro-Desemprego / Orientação para o Trabalho

- CAT Tatuapé
Rua Padre Estevão Pernet, 615
Das 8h às 17h ( Seg. a Sexta ) Das 7h às 13h ( Sábado )
Seguro-Desemprego / Carteira de Trabalho / SP Confia

- CAT Itaim Paulista
Av. Marechal Tito, 3.012
Das 8h às 17h ( Seg. a Sexta ) Das 7h às 13h ( Sábado )
Intermediação de Mão de Obra / Seguro-Desemprego

*ZONA NORTE
- CAT Santana
Rua Voluntários da Pátria, 1.553
Das 7 às 18h ( Seg. a Sexta ) Das 7 às 13h ( Sábado )
Intermediação de Mão de Obra / Seguro-Desemprego / Carteira de Trabalho / Jovem Cidadão / Pacet / SP Confia

- CAT Tucuruvi
Av. General Ataliba Leonel, 2.764
Das 8h às 17h ( Seg. a Sexta ) Das 7h às 13h ( Sábado )
Seguro-Desemprego / Carteira de Trabalho / SP Confia

- CAT Casa Verde
Av. Ordem e Progresso, 1.001
Das 8h às 17h ( Seg. a Sexta ) Das 7h às 13h ( Sábado )
Intermediação de Mão de Obra / Seguro-Desemprego

*ZONA OESTE
- CAT Lapa I
Rua Monteiro de Melo, 342
Das 7 às 18h ( Seg. a Sexta ) Das 7 às 13h ( Sábado )
Intermediação de Mão de Obra / Seguro-Desemprego/ Carteira de Trabalho / Jovem Cidadão / Pacet / SP 
Confia

- CAT Lapa II
Rua Afonso Sardinha, 201
Das 8h às 17h ( Seg. a Sexta ) Das 7h às 13h ( Sábado )
Seguro-Desemprego

*ZONA SUL
- CAT Interlagos
Av. Interlagos, 6.122
Das 7 às 18h ( Seg. a Sexta ) Das 7 às 13h ( Sábado )
Intermediação de Mão de Obra / Seguro-Desemprego / Carteira de Trabalho / Pacet / SP Confia

- CAT Jabaquara
Av. Eng. Armando de Arruda Pereira, 2.314
Das 8h às 17h ( Seg. a Sexta ) Das 7h às 13h ( Sábado )
Intermediação de Mão de Obra / Seguro-Desemprego / Carteira de Trabalho / SP Confia


Nota do Blogueiro: Isso é o Governo Lula da Ministra Dilma! A cada dia uma nova vaga de emprego! para continuar assim, é Dilma 13 Presidente!!!

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Fim da Exigência de Fiador Para Crédito Estudantil!


Universitários de baixa renda ou de cursos de licenciatura ou, ainda, beneficiários de bolsa parcial do ProUni não precisarão mais conseguir fiador para obter crédito do Fundo de Financiamento Estudantil – o Fies. Essa exigência acabou ontem, por decisão do presidente Lula, e a dispensa de fiador passa a valer imediatamente para os próximos contratos firmados.

A figura do fiador será substituída pelo Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo. Esse fundo será mantido pelo Tesouro Nacional e pelas instituições de ensino que quiserem aderir ao projeto.


O critério de renda favorece os estudantes com rendimento familiar mensal de um salário mínimo e meio por pessoa. No caso dos bolsistas parciais do ProUni, eles terão acesso ao Fies desde que optem pela inscrição no programa no mesmo curso em que são beneficiários da bolsa.


Para oferecer a opção ao aluno, as instituições de ensino terão que repassar para o fundo garantidor parte do que recebem do Ministério da Educação pelos estudantes matriculados no Fies. Dos recursos recebidos pela universidade referentes às mensalidades dos alunos do Fies sem fiador, 7% deverão ser repassados ao fundo.


O ministro da Educação, Fernando Haddad, aposta que haverá uma grande adesão das universidades ao novo modelo. Ele estima que, até o fim deste ano, todas as instituições de ensino que já fazem parte do programa vão aderir ao Fies sem fiador.


“Temos essa perspectiva porque a retenção é muito baixa. O que exceder 7% é por conta do Tesouro Nacional se houver necessidade de aporte”, observou Haddad.


O ministro acredita que as instituições de ensino terão interesse em aderir à iniciativa também porque ganharão novos alunos. Além disso, o índice de inadimplência nas universidades hoje é de 17%, mas o pagamento repassado pelas mensalidades de quem tem o Fies é feito em dia.


O Ministério da Educação vai abrir prazo para que as instituições possam aderir ao Fies sem fiador.
Nota do Blogueiro: Com Lula o filho do Pedreiro pode virar Doutor graças ao ProUni, FIES e etc!!! E Dilma vai continuar tudo isso!  É Dilma 13!

Dilma promete investimentos em saneamento no Alto Tietê

Eu tava lá! Uhuuuuuuuu!

A candidata à Presidência da República, Dilma Rousseff (PT), afirmou na tarde de ontem, em Ferraz de Vasconcelos, que caso seja eleita investirá em melhorias no saneamento básico no Alto Tietê. A petista explicou que firmou essa promessa com os prefeitos Marcelo Candido (PT - Suzano) e Jorge Abissamra (PSB - Ferraz).

Dilma também disse que o meio ambiente será uma área muito trabalhada em seu governo. "A questão do meio ambiente para nós é fundamental", afirmou a candidata. "Investir em saneamento é investir na saúde", comparou a petista em coletiva de imprensa realizada na frente de uma fábrica em Ferraz. 

No entanto, a candidata pouco falou diretamente sobre o Alto Tietê. Apenas esclareceu que assumiu compromisso com Candido e Abissamra. "Estou em Ferraz e já passei por Suzano. Assumi o compromisso com os prefeitos. Para o meio ambiente é também fundamental o saneamento básico. Temos que ter um tratamento adequado aos nossos próprios produtos urbanos através de um esgotamento em todas as cidades. Tratar os mananciais de uma forma adequada e preservar as encostas dos morros, através de uma política habitacional consequente", comentou. 

Ao ser muito questionada pela imprensa presente sobre os escândalos que tumultuam a campanha do segundo turno, rapidamente a assessoria da candidata finalizou a coletiva.
A candidata petista foi encaminhada para dentro da fábrica onde o helicóptero a esperava. Depois de retornarem da "despedida" de Dilma, os prefeitos Candido e Abissamra falaram com a imprensa.

Segundo o prefeito de Ferraz, Abissamra, a candidata saiu da cidade consagrada como presidente. "Jamais assisti uma recepção assim em todos meus anos na política", disse. Sobre as promessas à região, o administrador municipal contou que Dilma realmente está preocupada com as questões ambientais.
"A preocupação dela é fazer com que as cidades tenham investimento maciço do governo federal, para esgotamento sanitário, retirada de aterramento precário, canalização de córregos. Até mesmo construção de praças e creches", informou.

Suzano
Para o prefeito de Suzano, Marcelo Candido, o fato de Dilma Rousseff dar continuidade ao trabalho desenvolvido pelo atual presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é algo importante para o Alto Tietê e principalmente para Suzano. 

"Ela (Dilma) terá um alinhamento como que já vem sendo feito pelo presidente Lula. Entre os projetos principais que temos com o governo federal é o hospital para Suzano, que está em fase de execução de projetos. Ao contrário do que se afirma, será uma desapropriação tranquila, porque o processo será amigável", aifrmou o prefeito petista.

*Fonte: Diário do Alto Tietê

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Arte e Cultura Com Dilma!

Uma seleção brasileira da arte e do pensamento


Uma seleção brasileira da arte e do pensamento

O Teatro Casa Grande, no Rio de Janeiro, não escapou de seu destino. Fundado em 1966, foi palco da resistência à ditadura militar protagonizada pela classe artística e intelectual brasileira. No 18 de outubro de 2010, os personagens voltaram ao palco para mais um ato: resistir ao retrocesso dos tucanos. Com Dilma Rousseff, mestres da literatura e da música, artistas e filósofos defenderam a dignidade reconquistada, a reconstrução do Estado e a soberania nacional.

“É hora de unir nossas forças no segundo turno para garantir as conquistas e continuarmos na direção de uma sociedade justa, solidária e soberana”, diz o manifesto de artistas e intelectuais pela eleição de Dilma.

Estava lá o arquiteto Oscar Niemeyer, com a sabedoria de quem tem um século de vida. Num canto do palco, Ziraldo. Ao seu lado, Hugo Carvana. Chico Buarque dominou a timidez para declarar seu apoio a Dilma, “mulher de fibra, com senso de justiça social”. Para o músico, o governo Lula não corteja os poderosos de sempre.

“Fala de igual para igual com todos. Nem fino com Washington, nem grosso com a Bolívia. Por isso, é respeitado no mundo inteiro como nunca antes na história desse país”, afirmou  o criador de "A banda", arrancando risos da plateia. 

Deixa a Dilma me levar
Alcione, Margareth Menezes e Lecy Brandão foram as primeiras a chegar. Zeca Pagodinho não foi, mas mandou dizer que está com Dilma. Beth Carvalho empolgou e cantou: “Deixa a Dilma me levar, Dilma leva eu.”

O ex-ministro Marcio Thomaz Bastos levou um manifesto dos advogados. Ganhou um beijo de Dilma. As ausências da economista Maria da Conceição Tavares, do filósofo Frei Betto e da psicanalista Maria Rita Kehl foram sentidas, mas suas assinaturas estavam no manifesto.
Duro, o escritor Fernando Morais bateu nas privatizações feitas pelo PSDB. “Estou com a Dilma porque sou brasileiro e quero o Brasil nas mãos dos brasileiros. Eu sou contra a privatização canibal que esses tucanos fizeram e sei o mal que o José Serra pode fazer para o Brasil.”

Vencer a mentira
Mais suave, mas não menos contundente, o filósofo Leonardo Boff disse que o PSDB faz políticas ricas para os ricos e políticas pobres para os pobres. “A esperança venceu o medo. Agora, a verdade vai vencer a mentira.”

Eram tantos com Dilma, que o sociólogo Emir Sader comentou: “Uma pena o Maracanã estar em reforma.” Ele tem uma avaliação muito a respeito do que está em jogo no segundo turno. "A alternativa a Dilma é obscurantismo, a repressão, o caminho do fascismo", disse, se referindo aos tucanos do PSDB de José Serra.

A candidata à presidência reconheceu nos artistas e intelectuais presentes no ato político as músicas e os livros que marcaram sua vida. No discurso, falou do orgulho que sente das derrotas que sofreu. Ganhou, por outro lado, a capacidade de resistir.
“Quem perde, ganha uma grande capacidade de lutar e resistir. Disso, uma geração não pode abrir mão. Eu tenho muito orgulho das minhas derrotas, que fizeram parte da luta correta”, afirmou Dilma.

Seguir mudando
Hoje, Dilma se orgulha da transformação vivida pelo Brasil nos últimos oito anos. Pelo menos um tabu foi quebrado: era impossível crescer e distribuir renda. “Mudamos a trajetória deste país. Não foram mudanças pontuais.”

Uma delas, segundo a candidata, refere-se ao gasto social. “Hoje, o Estado dá subsídio direto para a população. Faz isso na casa própria e na luz elétrica”, ressaltou Dilma.

Para ela, as mudanças nos gastos sociais combinadas com a geração de emprego permitiram que 28 milhões de pessoas saíssem da pobreza. Mas Dilma quer mais: “O meu compromisso é erradicar a pobreza no Brasil. Ninguém respeita quem deixa uma parte de seu povo na miséria”.

Outro compromisso é dar a riqueza do pré-sal aos brasileiros e não entregá-la “de mão beijada” para as empresas estrangeiras. “Nós temos de ter memória. Também está em questão nesta eleição o que eles farão com o pré-sal”, alertou Dilma. Ela prometeu não errar. E decretou: “Mulher sabe, sim, governar.”

A plateia aplaudiu de pé o discurso de Dilma. Na saída, um jovem artista amador definiu: “Mais uma noite histórica no Casa Grande.”

www.dilma13.com.br

Contra o Derrotismo e o Voto Nulo

Contra o Derrotismo e o Voto Nulo
 
Por José R. Mao Junior (Professor do IFSP e vocalista dos Garotos Podres) e Lincoln Secco (Professor da FFLCH - USP) 

O Partido dos Trabalhadores (PT) sempre combinou uma enorme capacidade de chegar aos lugares mais recônditos da alma brasileira com uma incompetência estratégica ímpar. 

Só assim se explica a disseminação de um sentimento derrotista que recorta o corpo político da esquerda desde a sua base militante e simpatizante até a cúpula da campanha de Dilma Roussef. Os petistas são os únicos capazes de transformar uma vitória esmagadora no primeiro turno numa derrota política, permitindo que as campanhas localizadas do adversário, outrora inúteis, consigam adquirir massa crítica capaz de desencadear uma reação em cadeia contra a candidata petista. 

Há em curso uma guerra subterrânea feita particularmente na Internet. Ela dissemina duas idéias daninhas: o voto nulo e a derrota inevitável. Evidentemente, a abstenção eleitoral é decisão autônoma de grupos políticos de esquerda, porém visam apenas o público pequeno (mas por vezes influente) que os conhece. Um público de esquerda e não de direita. Por isso, o voto nulo é um voto no PSDB

A segunda idéia é a da inevitabilidade da derrota. Pululam boatos de origem duvidosa com críticas à candidata e à Lula e, especialmente, sobre o reacionarismo inato da população paulista, onde o PSDB governa há muitos anos (o que explicaria a impossibilidade de conquistar votos paulistas). Evidentemente, isto só interessa aos adversários. O fato é que não existe povo naturalmente conservador. No Estado de São Paulo Dilma obteve 37,31% dos votos contra 40,66% do adversário. Da diferença de cerca de 14 milhões e meio de votos que ela obteve sobre o segundo colocado, quase nove milhões foram votos paulistas. Nem precisamos lembrar que o PT já governou as mais importantes cidades paulistas, como Ribeirão Preto, Franca e Campinas (para não citar a capital e os municípios da Grande São Paulo). 

Os conhecedores das fabulosas histórias sobre as sabotagens na II Guerra Mundial, feitas pela divisão Skorzene, sabem que os falsos boatos eram tão graves que a punição era o fuzilamento. A contra-ofensiva neste campo já vem sendo realizada por Dilma. Ela tem mostrado que a vitória do PSDB significaria a privatização de nossa maior riqueza futura (o Pré-Sal) e uma mudança de grandes proporções na correlação de forças políticas na America Latina a favor de uma corrente política que apoiou recentemente golpes contra Chavez, Zelaya e Corrêa. Não é por acaso que o candidato tucano e seus apoiadores da imprensa tenham feito estranhas reuniões no Clube Militar...
Votar Nulo é Apoiar Serra! Não ao Voto Nulo! 

Dilma Presidente!

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Para o Brasil Seguir Mudando! É Dilma Presidente!

Galera, estamos no 2º Turno da Eleição Presidencial, o ideal era focar essa disputa nas idéias de cada Candidato, mas não é isso que vem ocorrendo... Enquanto a candidata Dilma quer mostrar suas Propostas de um Novo Brasil que começou a ser construído em 2002, o tucano Serra faz uma campanha suja e mentirosa, uma campanha de ódio jogando irmão contra irmão...

Companheirada, vale lembra quando FHC e Serra governaram nosso País, nossas Estatais foram vendidas, a Petrobrás quase faliu, não havia acesso a Universidades e o salário mínimo era desvalorizado...

No Governo do Presidente Lula e da Ministra Dilma, Nossas Empresas Estatais forma fortalecidas e graças a elas nos salvamos da Crise, a Petrobrás é a maior empresa Brasileira, o Filho do Pedreiro pode virar Doutor graças ao PROUNI e o Salário Mínimo é valorizado...

Não deixe se enganar pela boataria na Internet! Não deixe se enganar pelo que os Conservadores de Plantão espalham na TV,  Brasil Mudou com Lula e Dilma e para ele continuar Mudando, é Dilma Presidente 13!

Dilma é a candidata do Amor! É a candidata de todas as Religiões!

Diga não a Boataria! A Esperança Vai Vencer de Novo! Dilma 13!

13 Motivos Para Votar Dilma Dia 31/10

Conheça as Propostas da Companheira Dilma!

*****Escrito Por Marcello Barbosa, Secretário Municipal da JPT de Itaquaquecetuba e Coordenador de Finanças da JPT do Alto Tietê

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Poesia: "O Louco"

O Louco
 
Perguntais-me como me tornei louco. Aconteceu assim:

Um dia, muito tempo antes de muitos deuses terem nascido, despertei de um sono profundo e notei que todas as minhas máscaras tinham sido roubadas – as sete máscaras que eu havia confeccionado e usado em sete vidas – e corri sem máscara pelas ruas cheias de gente gritando: “Ladrões, ladrões, malditos ladrões!” 

Homens e mulheres riram de mim e alguns correram para casa, com medo de mim.

E quando cheguei à praça do mercado, um garoto trepado no telhado de uma casa gritou: “É um louco!” Olhei para cima, para vê-lo. O sol beijou pela primeira vez minha face nua.

Pela primeira vez, o sol beijava minha face nua, e minha alma inflamou-se de amor pelo sol, e não desejei mais minhas máscaras. E, como num transe, gritei: “Benditos, benditos os ladrões que roubaram minhas máscaras!”

Assim me tornei louco.

E encontrei tanto liberdade como segurança em minha loucura: a liberdade da solidão e a segurança de não ser compreendido, pois aquele que nos compreende escraviza alguma coisa em nós.

Gibran Khalil Gibran

Nota da UNE: Derrotar o retrocesso neoliberal: Dilma Presidente


Derrotar o retrocesso neoliberal: Dilma Presidente

A União Nacional dos Estudantes tem historicamente se pautado na defesa dos interesses dos estudantes brasileiros, da Educação Pública e da soberania nacional. O faz compreendendo que a autonomia política é fundamental na luta pela construção de um país justo e soberano. Contudo, nos momentos de acirramento da luta política do Brasil, não nos furtamos de tomar posição e somarmos força ao campo mais progressista das forças políticas no país.
 
Foi assim na experiência da luta contra o nazi-facismo na década de 40, na campanha do “Petróleo é nosso” que culminou com a criação da segunda maior petrolífera do mundo, a Petrobras, na campanha das “Reformas de Base” na década de 60, na resistência contra a ditadura e na redemocratização do Brasil, no “Fora Collor” e na passeata de 16 de agosto de 2005 que segurou nas ruas a tentativa de golpe.
 
Esse ano não é diferente. Depois de um primeiro turno em que o debate não se aprofundou de forma necessária nos projetos de Nação em disputa, nesse segundo turno temos a chance de fazê-lo e interferir ainda mais no debate. Com o cenário de polarização e o assanhamento das forças políticas mais conservadoras do país, aliadas à grande mídia, faz-se necessário o nosso posicionamento.
 
Durante os anos de governo FHC, com Serra no Planejamento, a lógica do desmonte do Estado  e as privatizações imperavam. O desafio vivido cotidianamente pela universidade pública era o de como não desmoronar. Inúmeras IFES não conseguiam custear sequer sua manutenção. A proliferação de faculdades privadas sem qualquer regulamentação que garantisse qualidade e compromisso social por parte destas foi outra marca daquele período. O atual secretário estadual de Educação de São Paulo, Paulo Renato, era o ministro da Educação do Brasil neste período em que a educação era vista pelo governo federal mais como mercadoria, de um lucrativo negócio, do que como um direito social estratégico para o desenvolvimento nacional. Essa lógica persiste com Serra no governo de São Paulo.
 
É esse projeto que devemos derrotar. O compromisso dos estudantes brasileiros é com o aprofundamento da Democracia no nosso país e na defesa do protagonismo do Estado brasileiro, pois somente a partir destes é possível que o povo brasileiro interfira nos rumos das políticas públicas no nosso país. Ainda, reafirmamos o nosso compromisso com o investimento de 10% do PIB na educação, impedindo que o retorno de mecanismos de contingenciamento de verbas sejam novamente utilizados como a Desvinculação das Receitas da União (DRU). Nossa disposição é fazer com que o próximo período sirva para a construção de importantes Reformas Estruturantes no Brasil, que pavimente um profundo ciclo de desenvolvimento econômico com sustentabilidade ambiental, mas que também propicie o desenvolvimento humano da sociedade brasileira.
 
Assim, no ambiente de polarização que se configura na atual quadra política, é fundamental que essa geração tome posição e derrote o setor conservador representado na candidatura de Jose Serra. A Diretoria Plena da União Nacional dos Estudantes, reunida na sede do Sindicato dos Professores de São Paulo - APEOESP - e na presença de lideranças estudantis de todo o país, decide indicar o voto em Dilma Rousseff no segundo turno das eleições para a Presidência da República Federativa do Brasil.
União Nacional dos Estudantes (UNE)
10 de outubro de 2010

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Contra a volta da direita privatista, a UBES quer Dilma Presidente!!!

Contra a volta da direita privatista, a UBES quer Dilma Presidente!!!

As eleições brasileiras em 2010 estão polarizadas entre um projeto privatista, que manteve-se no poder por longos anos na década de 90, representando um grande retrocesso para a democracia. Tratava-se de um governo que criminalizou os movimentos sociais, sucateou a educação pública, abrindo espaço para o crescimento de universidades sem nenhum critério de qualidade, inclusive às universidades privadas, além de proibir a construção de novas escolas técnicas e vender o patrimônio nacional por meio de privatizações claramente fraudulentas, a exemplo da venda da Vale do Rio Doce. 

É interessante ressaltar que essas políticas não se manifestaram apenas em âmbito federal, por onde passam os governos neoliberais e que deixam sua marca negativa. Em São Paulo, o então Governador José Serra não negou suas convicções partidárias: a educação pública foi mais uma vez sucateada, tendo inclusive péssimos materiais didáticos (com erros de informações grotescos), aprovação automática, repressão a qualquer manifestação dos movimentos sociais, como no trato à grave dos professores liderada pela APEOESP que foi reprimida com violência pela polícia. Além de suas posições alinhadas ao imperialismo, como sua estreita relação com os EUA e suas políticas de subjugação da América Latina.

Do outro lado se coloca uma forma de governar inaugurada com o Governo do Presidente Lula, o primeiro operário a se eleger para esse cargo no Brasil. Foi aberto o diálogo com os movimentos sociais, que foram inúmeras vezes recebidos pelo Presidente, além das mais de sessenta Conferências Temáticas realizadas nos últimos oito anos, que representaram um importante passo na democratização das decisões governamentais. No âmbito educacional respiram-se novos ares. Mais de setecentas mil pessoas ingressaram no ensino superior através do PROUNI. O REUNI representou uma importante iniciativa na reestruturação e democratização das Universidades Federais. Foram criadas 214 novas escolas técnicas nos últimos oito anos, número superior à quantidade criada em toda a história do Brasil.

Para sanar o débito histórico com o com o povo brasileiro, esses números ainda são pequenos. Defendemos o investimento de 10% do PIB e 50% dos recursos do Fundo Social do pré-sal em educação, o fim do vestibular e o livre acesso à universidade, a democratização dos meios de comunicação, a auditoria na dívida pública, o passe livre, a meia-entrada, a redução da jornada de trabalho para 40h semanais, o limite da propriedade fundiária, a descriminalização do aborto e o fim das opressões. 

Ainda assim, compreendemos que entre os projetos e candidatos do segundo turno, somente a candidatura de Dilma Rousseff reúne as condições para avançar ainda mais na construção de um país, justo, democrático e soberano, onde os movimentos sociais possam apresentar suas demandas e disputar os rumos desse novo Brasil que está nascendo. E é por isso que a histórica União Brasileira dos Estudantes Secundaristas mais uma vez colocará os caras-pintadas nas ruas para impedir a volta da direita ao poder.

União Brasileira dos Estudantes Secundaristas

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Galera da Dilma Rumo ao 2º Turno!!!

Galera da Dilma Rumo ao 2º Turno!!!

Companheirada,
Passado o 1º Turno das Eleições, começa uma nova etapa para a Militância da Juventude do PT! Estamos Rumo ao 2º Turno para eleger Dilma Presidente.

Nessa fase devemos nos organizar e ir para as ruas com bastante garra conquistar voto a voto dos jovens de São Paulo, para isso a JPT – SP e a JPT – Nacional estão organizando neste SÁBADO Plenárias para organizar a mobilização da juventude do para o 2º turno.

Participem!!!!

Plenária Estadual da JPT Rumo ao 2º Turno!
Data: 09/10/2010 (Sábado Agora)
Horário: 14h00
Local: Sede do Diretório Estadual do PT-SP - Rua Abolição, 297 - Bela Vista – São Paulo – SP (Próximo ao Metrô Anhangabaú e a Câmara Municipal)

Reunião do Comitê Nacional de Juventude Dilma
Data: 09/10/2010 (Sábado Agora)
Horário: 18h30
Local: Sede da APEOESP na Praça da República, 282,  São Paulo – SP (Próximo ao Metrô República.

Rumo a Vitória Com Dilma!

Qualquer coisa, me liguem! (11) 8322-1397

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

"Poeta"


Sou um estrangeiro neste mundo. Sou um estrangeiro, e há na vida do estrangeiro uma solidão pesada e um isolamento doloroso. Sou assim levado a pensar sempre numa pátria encantada que não conheço, e a sonhar com os sortilégios de uma terra longínqua que nunca visitei. Sou um estrangeiro para minha alma. Quando minha língua fala, meu ouvido estranha-lhe a voz. 

Quando meu Eu interior ri ou chora, ou se entusiasma, ou treme, meu outro Eu estranha o que ouve e vê, e minha alma interroga minha alma. Mas permaneço desconhecido e oculto, velado pelo nevoeiro, envolto no silêncio. Sou um estrangeiro para o meu corpo. Todas as vezes que me olho num espelho, vejo no meu rosto algo que minha alma não sente, e percebo nos meus olhos algo que minhas profundezas não reconhecem. Quando caminho nas ruas da cidade, os meninos me seguem gritando: "Eis o cego, demos-lhe um cajado que o ajude." 

Fujo deles. Mas encontro outro grupo de moças que me seguram pelas abas da roupa, dizendo: "É surdo como a pedra. Enchamos seus ouvidos com canções de amor e desejo."

Deixo-as correndo. Depois, encontro um grupo de homens que me cercam, dizendo: "É mudo como um túmulo, vamos endireitar-lhe a língua." Fujo deles com medo. E encontro um grupo de anciãos que apontam para mim com dedos trêmulos, dizendo: "É um louco que perdeu a razão ao freqüentar as fadas e os feiticeiros." Sou um estrangeiro neste mundo. Sou um estrangeiro e já percorri o mundo do Oriente ao Ocidente sem encontrar minha terra natal, nem quem me conheça ou se lembre de mim. 

Acordo pela manhã, e acho-me prisioneiro num antro escuro, freqüentado por cobras e insetos. Se sair à luz, a sombra de meu corpo me segue, e as sombras de minha alma me precedem, levando-me aonde não sei, oferecendo-me coisas de que não preciso, procurando algo que não entendo. E quando chega a noite, volto para a casa e deito-me numa cama feita de plumas de avestruz e de espinhos dos campos. Idéias estranhas atormentam minha mente, e inclinações diversas, perturbadoras, alegres, dolorosas, agradáveis. À meia-noite, assaltam-me fantasmas de tempos idos. E almas de nações esquecidas me fitam. 

Interrogo-as, recebendo por toda resposta um sorriso. Quando procuro segura-las, fogem de mim e desvanecem-se como fumaça. Sou um estrangeiro neste mundo. Sou um estrangeiro e não há no mundo quem conheça uma única palavra do idioma de minha alma... 

Caminho na selva inabitada e vejo os rios correrem e subirem do fundo dos vales ao cume das montanhas. E vejo as árvores desnudas se cobrirem de folhas num só minuto. Depois, suas ramas caem no chão e se transformam em cobras pintalgadas. E as aves do céu voam, pousam, cantam, gorgeiam e depois param, abrem as asas e viram mulheres nuas, de cabelos soltos e pescoços esticados. 

E olham para mim com paixão e sorriem com sensualidade. E estendem suas mãos brancas e perfumadas. Mas, de repente, estremecem e somem como nuvens, deixando o eco de risos irônicos. Sou um estrangeiro neste mundo. Sou um poeta que põe em prosa o que a vida põe em versos, e em versos o que a vida põe em prosa. Por isto, permanecerei um estrangeiro até que a morte me rapte e me leve para minha pátria. 

Khalil Gibran

Campanha Suja na Net 02!

Ultimamente está tendo um bombardeio de mentiras e boatos contra Dilma, decidi então fazer esta postagem, com várias matérias que comprovam a posição cristã e em defesa da vida humana que a companheira Dilma tem:

Internet é usada para difundir mentiras
http://migreme.net/opp

Assista os depoimentos de Lideranças Religiosas!
http://migreme.net/qsl

Dilma enfatiza sua posição em defesa da vida na CNBB
http://migreme.net/opr

Evangélicos querem Dilma Presidente:
http://migreme.net/qsm

Edir Macedo: Dilma é Vitima de Mentiras
http://migreme.net/qsn

Informativo ao Povo de Deus
http://migreme.net/qso

Carta Aberta ao Povo de Deus
http://migreme.net/qsp

13 Motivos para o Cristão Votar em Dilma
http://migreme.net/hqk

Cartão a Nação Brasileira
http://migreme.net/qsq

Não deixe que as pessoas te enganem usando o nome de Deus!

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Leonardo Boff: Por uma aliança entre Marina e Dilma

O Brasil está ainda em construção. Somos inteiros mas não acabados. Nas bases e nas discussões políticas sempre se suscita a questão: que Brasil finalmente queremos?

É então que surgem os vários projetos políticos elaborados a partir de forças sociais com seus interesses econômicos e ideológicos com os quais pretendem moldar o Brasil.

Agora, no segundo turno das eleições presidenciais, tais projetos repontam com clareza. É importante o cidadão consciente dar-se conta do que está em jogo para além das palavras e promessas e se colocar criticamente a questão: qual dos projetos atende melhor às urgências das maiorias que sempre foram as “humilhadas e ofendidas” e consideradas “zeros econômicos” pelo pouco que produzem e consomem.

Essas maiorias conseguiram se organizar, criar sua consciência própria, elaborar o seu projeto de Brasil e digamos, sinceramente, chegaram a fazer de alguém de seu meio, Presidente do pais, Luiz Inácio Lula da Silva. Fou uma virada de magnitude histórica.
Há dois projetos em ação: um é o neoliberal ainda vigente no mundo e no Brasil apesar da derrota de suas principais teses na crise econômico-financeira de 2008. Esse nome visa dissimular aos olhos de todos, o caráter altamente depredador do processo de acumulação, concentrador de renda que tem como contrapartida o aumento vertiginoso das injustiças, da exclusão e da fome. Para facilitar a dominação do capital mundializado, procura-se enfraquecer o Estado, flexibilizar as legislações e privatizar os setores rentáveis dos bens públicos.

O Brasil sob o governo de Fernando Henrique Cardoso embarcou alegremente neste barco a ponto de no final de seu mandato quase afundar o Brasil. Para dar certo, ele postulou uma população menor do que aquela existente. Cresceu a multidão dos excluidos. Os pequenos ensaios de inclusão foram apenas ensaios para disfarçar as contradições inocultáveis.
Os portadores deste projeto são aqueles partidos ou coligações, encabeçados pelo PSDB que sempre estiveram no poder com seus fartos benesses. Este projeto prolonga a lógica do colonialismo, do neocolonialismo e do globocolonialismo pois sempre se atém aos ditames dos paises centrais.

José Serra, do PSDB, representa esse ideário. Por detrás dele estão o agrobusiness, o latifúndio tecnicamente moderno e ideologicamente retrógrado, parte da burguesia financeira e industrial. É o núcleo central do velho Brasil das elites que precisamos vencer pois elas sempre procuram abortar a chance de um Brasil moderno com uma democracia inclusiva.
O outro projeto é o da democracia social e popular do PT. Sua base social é o povo organizado e todos aqueles que pela vida afora se empenharam por um outro Brasil. 

Este projeto se constrói de baixo para cima e de dentro para fora. Que forjar uma nação autônoma, capaz de democratizar a cidadania, mobilizar a sociedade e o Estado para erradicar, a curto prazo, a fome e a pobreza, garantir um desenvolvimento social includente que diminua as desigualdades. Esse projeto quer um Brasil aberto ao diálogo com todos, visa a integração continental e pratica uma política externa autônoma, fundada no ganha-ganha e não na truculência do mais forte.

Ora, o governo Lula deu corpo a este projeto. Produziu uma inclusão social de mais de 30 milhões e uma diminuição do fosso entre ricos e pobres nunca assistido em nossa história. Representou em termos políticos uma revolução social de cunho popular pois deu novo rumo ao nosso destino. Essa virada deve ser mantida pois faz bem a todos, principalmente às grandes maiorias, pois lhes devolveu a dignidade negada.

Dilma Rousseff se propõe garantir e aprofundar a continuidade deste projeto que deu certo. Muito foi feito, mas muito falta ainda por fazer, pois a chaga social dura já há séculos e sangra.
É aquí que entra a missão de Marina Silva com seus cerca de vinte milhões de votos. 

Ela mostrou que há uma faceta significativa do eleitorado que quer enriquecer o projeto da democracia social e popular. Esta precisa assumir estrategicamente a questão da natureza, impedir sua devastação pelas monoculturas, ensaiar uma nova benevolência para com a Mãe Terra. Marina em sua campanha lançou esse programa. Seguramente se inclinará para o lado de onde veio, o PT, que ajudou a construir e agora a enriquecer. Cabe ao PT escutar esta voz que vem das ruas e com humildade saber abrir-se ao ambiental proposto por Marina Silva.

Sonhamos com uma democracia social, popular e ecológica que reconcilie ser humano e natureza para garantir um futuro comum feliz para nós e para a humanidade que nos olha cheia de esperança.

(*) Leonardo Boff é teólogo

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Obrigado à Tod@s! Valeu Mesmo!

Companheirada que acessa meu Blog, em especial de Itaquá,

Quero agradecer a todas pessoas que confiaram seus votos aos candidatos que eu apresentei! Quero agradecer por Terem ajudado eleger ZICO PRADO Deputado Estadual, ZARATTINI Deputado Federal, MARTA SUPLICY Senadora e levar DILMA ao Segundo Turno que venceremos também! Além de terem ajudado NETINHO e MERCADANTE!

Em especial agradeço quem votou em meus candidatos a Deputado Federal e Deputado Estadual!

Segue abaixo o Resultado de Itaquaquecetuba - SP:

Zico Prado: 870 Votos (0,63%)
Zarattini: 1.182 Votos (0,84%)
Marta Suplicy: 64.473 Votos (26,14%) Ganhamos do Aloysio Nunes em Itaquá!
Netinho: 68.402 Votos (27,73 %) Ganhamos do Aloysio Nunes em Itaquá!
Mercadante: 63.603 Votos (43,84 %) Ganhamos do Alckimin em Itaquá!
Dilma: 75.914 Votos (51,29 %) Ganhamos do Serra em Itaquá!

Agradeço a todos os Companheiros e Companheiras que abraçaram a nossa Campanha, a cada Militante que foi as ruas pedir Votos para Zico Prado, Zarattini, Marta, Netinho, Mercadante e Dilma!

Mais uma vez agradeço o apoio de todos! Agradeço e convido que cada um de vocês abracem essa luta por uma Itaquaquecetuba, um Estado e um Brasil Melhor! 

Viva o Grande Partido dos Trabalhadores!!!

*****Marcello Barbosa, Secretário Municipal da Juventude do PT de Itaquaquecetuba, Coordenador de Finanças da JPT do Alto Tietê e Membro do CONSEG - Itaquaquecetuba.
Ocorreu um erro neste gadget

Simplicidade é Tudo...

Simplicidade é Tudo...
A Complexidade é Simples...