sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Por Um 2012 Cheio de Luz, Alegria e Amor!

"Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos,
Sem amor eu nada seria."

Galera que acessa este humilde e simplório Blog! 

Começo garantindo que em 2012 o Mundo não vai se acabar! 2012 é o Ano do Dragão, o Ano da Lua, o Ano de Mudanças Positivas... rsrsrsr!!!

Desejo Muita Luz, Alegria e Amor à todos Internautas, amig@s, colegas, parceir@s, compaheir@s e pessoas que não gostam de mim! rsrsrs! 

Aprendi que se temos Amor, temos tudo, o dificil é que quando se aprende isso parece que o Amor corre de você! rsrssr!!!

Desejo Amor, o mais puro Amor para todos em 2012 e nos próximos anos também! 

Enfim, quero sorrisos, gargalhadas, olhos brilhando e borboletas coloridas em 2012!

Feliz Ano Novo! Feliz 2012!

2011 Se Vai, Deixando Saudades, Dores, Risos e Lágrimas...

2011 começou numa Praia, em São Vicente e passou tão rápido como as ondas do mar que batem na areia...

2011 foi um misto de alegria a tristeza, muito aprendizado e sei lá...

Na Vida...

Se eu disser que 2011 foi um ano ruim, estarei sendo exagerado, foi um ano que teve seus pontos positivos. Comecei enfim a Universidade, comecei o Curso de Jornalismo, fiz novas e verdadeiras amizades, dei boas risadas e cada dia de aula que tive, aprendi as Disciplinas da Universidade, mas acima de tudo aprendi coisas que me fizeram uma pessoa mehor...

Conheci pessoas novas dentro da Juventude do PT, companheiros e companheiras de verdade, gente que esteve ombro a ombro comigo nos momentos bons e ruins...Sem contar que fortaleci laços de companheirismo com velhos amigos e amigas.

Passei mais tempo com os amigos e me aproximei de familiares, mesmo em um ano que tive pouco tempo até mesmo para respirar... 

E na reta final deste ano quie se vai, fiz coisas que já deveria ter feito a tempos, apesar dos pesares...

Mas também foi um ano ruim, perdi o meu avô, que sempre foi meu exemplo e verdadeiro pai, fiquei seis meses sem minha mãe, reencontrei pessoas e as perdi, me decepcionei também, perdi amizades e por fim fiquei doente...

Na Militância...
Esse ano foi marcado pelo II Congresso Nacional da Juventude do PT, tive a tarefa de disputa-lo no Estado de SP, confesso que desde meus tempos de UPES, sempre pensei nesta possibilidade, apesar de ter perdido, aprendi muito nesse processo e construi uma Campanha que me fez aprender muito...

Após o II Congresso da JPT-SP, retomei minha atuação em Itaquaquecetuba e começo a colaborar com a organização do PT Local para as eleições 2012!

Em 2011 e em 2012...

Em 2011, vivi muitos momentos felizes, mas também derramei lágrimas... Aprendi muito em todos os sentidos e a todo momento... Em 2012, desejo cinco coisas: Estar perto da família, ter uma companheira no Amor, me curar, conhecer mais pessoas novas e ganhar as eleições de 2012 na minha Cidade!!!

Começo 2012 com rotina alterada, tirando minha CNH (nem tudo está perdido) e frequentando Academia...

Que Venha 2012!!!

OBS: Quando se tem um Blog muito acessado, você acaba se limitando nos desabafos...

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Artigo: A Pressão Pelo Marco Regulatório

Nota do Blogueiro: O Ministro Paulo Bernardo tem que ter coragem de tirar o Franklin Martins da Gaveta! 2012 deve ser o ano do Marco Regulatório da Comunicação!

A Pressão Pelo Marco Regulatório

Por Valério Cruz Brittos e Luciano Gallas, no Observatório da Imprensa:

Enquanto o final de ano está (muito) próximo e avançam os tradicionais balanços sobre o período que chega ao fim, também transcorrem os planejamentos do que será feito de diferente nos 365 (ou 366) dias seguintes. Contabilizam-se prós e contras, lista-se o que não foi efetivamente colocado em prática e organizam-se estratégias para que não sejam cometidos os mesmos erros no novo período. Ante isso, a sociedade brasileira organizada pode e deve aproveitar esse momento para realizar sua autocrítica: é possível fazer mais pela implementação de um marco regulatório da comunicação no Brasil?

O governo Dilma Rousseff está prestes a completar seu primeiro aniversário e até o momento não demonstrou estar interessado em engajar-se no processo, atacando os problemas histórico-estruturais da área no país, sintetizados na concentração empresarial. Franklin Martins deixou a Secretaria da Comunicação ao fim do governo Luiz Inácio Lula da Silva com um anteprojeto pronto, mas o documento segue trancado em alguma gaveta do Palácio do Planalto. Com o governo mostrando que não pretende comprar essa briga, não está mais do que na hora da sociedade brasileira organizada empurrar o governo para a ação?

As empresas de radiodifusão fazem uma gritaria sem razão ante qualquer iniciativa de discussão do tema, como se, de fato, a liberdade de atuação viesse a ser prejudicada com a implantação de uma lei regulatória de suas atividades. Elas alegam que a liberdade de expressão estaria em risco, mas cabe perguntar: quem é que, de fato, enfrenta enormes empecilhos para manifestar-se, a empresa ou parcelas da população? Quem tem direito a voz e imagem nas transmissões de rádio e de televisão no Brasil são as concessionárias e os grupos que ela reconhece. Defender o pleno direito da sociedade brasileira à comunicação não é censura: ao contrário, é ampliar o número de vozes na arena midiática.

Indicativo de desenvolvimento

O que as emissoras defendem é a liberdade de empresa porque o cenário midiático tradicional no Brasil não oferece espaço à manifestação efetiva do cidadão. Ao ouvinte, telespectador e ao público em geral é oferecida uma participação acanhada em nome de uma suposta interatividade, que não passa de jogo de palavras e de estratégia de marketing – afinal, tal ferramenta resume-se à escolha da cor da gravata do apresentador; à resposta a enquetes rasas, com alternativas pré-selecionadas pelos editores; ou à definição do gol mais bonito da rodada, entre quatro ou cinco possibilidades construídas pelos programas.

Fazer a regulamentação nada tem a ver com autoritarismo, porque é do jogo democrático a existência de regras e sanções, de forma que a sociedade funcione e reproduza-se. Autoritarismo é rejeitar a possibilidade de regras – o sonho de todo candidato a déspota é governar sem a existência de limites ao seu poder. Defender a existência de um marco legal que normatize o funcionamento das mídias é defender a democracia. Sabe-se como, no Brasil, muitas empresas de comunicação conviveram muito bem com o poder autoritário durante o período em que a caserna dava as ordens e democracia era assunto proibido no país.

O que está em jogo é o controle unicamente privado da comunicação. Houve um tempo em que a capacidade técnica dos meios de comunicação era reconhecida como indicador da qualidade de vida de uma nação. Ter uma televisão com imagem apurada, estética ficcional elogiável e capacidade de cobertura nas produções jornalísticas era um indicativo de desenvolvimento econômico e social, um caminho que já foi superado. Boa qualidade técnica era quase um sinônimo de democracia consolidada. Até poderia ser, se a forma não fosse tão aplicada em esconder os vícios do conteúdo.

Decisão será da sociedade

Sabe-se que o mundo não funciona assim e que a Rede Globo, por exemplo, sendo favorecida pelo regime da ditadura militar, transformou-se na voz do poder. Não apenas ela, saliente-se, mas nenhuma outra organização teve tão facilitado seu projeto de construir uma rede nacional de TV, cuja programação obedecesse ao primado do lucro e das relações político-econômicas privilegiadas com o mercado e o Estado. Sem uma lei a lhe apontar limites, a empresa tem total liberdade de ação (que insiste em chamar de liberdade de expressão) para impor seus interesses privados, em detrimento da pluralidade e diversidade sociais.

Voltando ao balanço de final de ano e aos planos e metas de Ano Novo: se o governo não se mexe e o anteprojeto do governo anterior continua parado em uma gaveta, é o momento de a sociedade brasileira organizada mobilizar-se mais para implementar seus projetos. A partir de um documento, de um texto-base, de uma proposta de lei, será possível a discussão sobre pontos concretos, envolvendo propostas específicas de democratização da comunicação do país. Sensibilizar parlamentares requer, antes, a sensibilização da opinião pública, tarefa difícil pela baixíssima midiatização do tema.

Enquanto o pouco debate existente for realizado em cima de ideias abstratas e de grandes conceitos sem fundo real, as empresas de rádio e de comunicação pouco afeitas ao debate terão a vida facilitada para deturpar a discussão e manter o apego ao poder sem impedimentos, recorrendo a fontes confiáveis (aos seus interesses) para sustentar suas posições. Para evitar que isso ocorra, o governo da presidente Dilma Rousseff terá que colocar o seu anteprojeto na rua, de forma a servir de base para as discussões. Antes, porém, a sociedade brasileira terá que decidir se a comunicação faz parte de suas metas e planos de desenvolvimento para o próximo ano.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

13 Marcas do Governo Dilma nestes 12 Meses!!!

Nota do Blogueiro: Dilma Roussef (PT),  assumiu o Governo com uma herança bendita, afinal o ex Presidente Lula, deixou o Brasil no rumo certo. No dia 23 de dezembro, nossa Presidenta, fez um Pronunciamento em Rede Nacional e calou a boca daqueles que questionaram seu um ano de Governo, listo a seguir os 13 Pontos que acho que foram fundamentais e marcantes nestes primeiros 12 meses.
Você pode assistir aqui o seu Pronunciamento Oficial

13 Marcas do Governo Dilma nestes 12 Meses!

  1. O Brasil criou em 2011 2,3 milhões de empregos;
  2. Redução de impostos para 5 milhões de pequenas empresas e empreendedores individuais;
  3. Reduziu os impostos sobre geladeiras, fogões e máquinas de lavar;
  4. Zerou os impostos sobre massa, farinha e pão.
    Até 2014 a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil, vão investir 125 bilhões de reais no Programa Minha Casa, Minha Vida;
  5. Em 2011 o Governo Dilma entregou 241 mil Casas do Programa Minha Casa, Minha Vida, vai entregar outras 400 mil em 2012 e tem 500 mil em construção;
  6. Em 2011 o Governo Dilma incorporou 1,3 milhão de adolescentes ao Bolsa Familia graças ao Programa  Brasil sem Miséria;
  7. Foi criado o Programa "É Possivel Vencer", com 4 bilhões de reais para combater o crack;
  8. Criação do PRONATEC, um PROUNI para o Ensino técnico, onde até 2014 vai levar 8 milhões de jovens ao Ensino Técnico;
  9. Criação e implatanção da Política Nacional do Salário Minimo, que vai possibilitar todos os anos reais aumento no salário mínimo, em fevereiro  de 2012 teremo umaumento de 15%, o salário será de R$ 622,00;
  10. A regularização da Emenda 29, que vai aumentar o investimento na saúde sem criar novos impostos;
  11. Criação do Programa Brasil Sem fronteiras que vai beneficiar em 2012, 100 mil jovens com bolsas de estudos no exterior;
  12. Foi criada a Comissão da Verdade que vai esclarecer os crimes do período da Ditadura Militar e quebrou o silêncio eterno dos Documentos oficiais;
  13. E Hoje o Brasil é apontado como sexta economia mundial, a frente do Reino Unido!

Vejam o que o Governo aprovou na Câmara dos Deputados em 2011!

domingo, 25 de dezembro de 2011

Caminhos Cruzados

Nota do Blogueiro: Caminhos Cruzados é uma composição de Tom Jobim, é uma linda música... Achei essa versão com a voz da Maysa...

Resumindo, PERFEIÇÃO!


Neste Domingo, Um Pouco de Drummond... "Memória"

Nota do Blogueiro: Essa poesia de Drummond é linda e real, afinal muitos quando perdem um Amor, continuam apaixonado por ele, ama o perdido e quem sofre é seu coração, que se confunde e sofre... Muitas vezes o amor é como uma Flor, Nasce, Cresce, Floresce, Murcha e no momento que murcha, dói, enfim morre... O ruim é quando essa flor demora para partir, enquanto ela murcha, ela sangra...

Memória

Amar o perdido
deixa confundido
este coração.

Nada pode o olvido
contra o sem sentido
apelo do Não.

As coisas tangíveis
tornam-se insensíveis
à palma da mão

Mas as coisas findas
muito mais que lindas,
essas ficarão.

Carlos Drummond de Andrade

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Fome em Pauta Foi Show!

Foto: Juliana Gomes
Conheci um Grupo no Facebook chamado 100 Comunicação, que é composto por Jornalistas e Assessores de Imprensa da Região do Alto Tietê. Marcamos um Encontro chamado "Fome em Pauta" que rolou neste fim de semana (17/12) e foi muuuuuuuuuuuito bom!

Estavam presentes, Ronaldo Andrade (Secom/Poá) e a sua esposa Juliana Gomes, as Jornalistas Fernanda Fernandes e Suéller Costa (ambas do Grupo Mogi News), Rodolfo Senne (Assessor de Imprensa do Condemat) e a sua esposa Ana Paula,  Márcia Dias (Editora do AT Notícias) e obviamente eu!

Em especial o Ronaldo Andrade que é idealizador do 100 Comunicação, está de parabéns pela idéia e pela vontade que tem de integrar os Jornalistas da região! Ou melhor integrar os Jornalistas, Assessores de Imprensa e Focas também!!! Afinal na linguagem Jornalistica, aprendi que sou um Foca (estudante)! rsrsrsrsrsrs!!!

Foi um momento ímpar e posso dizer inclusive que foi um dos melhores momentos de 2011 que eu tive! Conheci gente muito bacana, ouvi histórias divertidas sobre os bastidores do Jornalismo, literalmente tive a oportunidade de sentir como é a profissão, além disso comi muita pizza!

Enfim foram momentos únicos, papos interessantissimos e uma grande troca de experiência! 

Que venha o  "2º Fome em Pauta!" 


Simples Assim: A Balada da Bailarina Torta...

Perfeita e simples...  Simples assim, como a complexidade de um bater de asas de uma Borboleta...

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Vamos Dizer Não à Boataria em Itaquá!

As eleições 2012 nem começaram e já começou a rolar a boataria...

O PT de Itaquaquecetuba, vem incomodando muita gente, muita gente que teve oportunidade de Governar par o Povo e fez o contrário, governou para si mesmo... 

Agora querem ganhar as eleições no tapetão sem ao menos ter eleição, criando boatos e espalhando mentiras.

O PT de Itaquá reafirma a pré candidatura do Engenheiro Valdir Coelho, reafirma que nosso companheiro não tem nenhuma pendência na Justiça e que o mesmo tem apoio unânime do PT de Itaquaquecetuba, do Diretório Estadual do PT-SP e de noso Diretório Nacional.

Segue os Links da Nota Oficial do PT de Itaquaquecetuba sobre essa Onda de Boataria!


terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Concursos Com Inscrições Abertas Oferecem 24,8 Mil Vagas!

Nota do Blogueiro: Galera, estão abertas quase 25 mil vagas em Concursos Públicos por todo o Brasil e inclusive em várias Cidades de São Paulo, publico a seguir uma matéria do Congresso em Foco que detalha bem isso e dá algumas informações muito úteis!

Concursos Com Inscrições Abertas Oferecem 24,8 Mil Vagas!

Pelo menos 108 concursos estão com inscrições abertas esta semana, somando mais de 24,8 mil vagas de norte a sul do país (veja lista completa aqui). Prefeituras, órgãos e entidades estaduais e federais buscam servidores com ofertas de trabalho com remuneração de até R$ 21,7 mil.

Três capitais abriram processos seletivos nas regiões Norte e Nordeste: em Porto Velho, candidatos com todos os níveis de escolaridade concorrem a 1.057 vagas até 21 de dezembro. A Consulplan, mesma organizadora que fará o concurso do Tribunal Superior Eleitoral, é responsável pelo concurso e aplica as provas em 15 de janeiro. Em Recife, serão selecionados 1.150 profissionais para cargos na área de educação: serão 650 professores e 500 auxiliares em desenvolvimento estudantil. Já em Aracaju, os 100 postos são para guarda municipal, função que exige nível médio e idade mínima de 21 anos. Além de passar por provas também em 15 de janeiro, os candidatos fazem exames psicotécnico e de aptidão física.

Outro destaque da semana são as oportunidades nos conselhos regionais de classe, entidades que até há pouco tempo não tinham a obrigatoriedade de realizar concursos públicos para contratação de funcionários. No Rio Grande do Sul, o Conselho Regional de Educação Física abriu inscrições para 19 vagas imediatas e formação de cadastro de reserva para cargos que recebem até R$ 2,5 mil. No Paraná, é o Conselho Regional de Contabilidade que fará cadastro de reserva para profissionais de todos os níveis de escolaridade. Até 8 de janeiro, o Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Pernambuco aguarda adesões o processo seletivo que tem salário de até R$ 1,5 mil. Os conselhos regionais de enfermagem de Minas Gerais e Rondônia também estão com inscrições abertas até 5 e 13 de janeiro, respectivamente.

Bons salários
Os salários mais atraentes entre os concursos que têm inscrições abertas na semana são os dos Tribunais de Contas Estaduais de São Paulo, Amapá e Pará. Juntos oferecem 127 oportunidades com remunerações de até R$ 21,7 mil. No caso das vagas do Pará e Amapá, os interessados devem se apressar, pois os prazos terminam em 15 e 16 de dezembro, respectivamente. Já para São Paulo, as adesões podem ser feitas até 2 de janeiro.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Ciência Maluca: Os Assuntos Mais Bizarros Pesquisados!

Nota do Blogueiro: As vezes eu fico no Twitter e vejo cada noticia de pesquisa maluca, o engraçado que a frase sempre começa assim: "Estudo Aponta", um dia desses ainda vou ler: "Estudo Aponta, Que Apontar é Feio!!!"

A ciência avança e com isso novos assuntos são desvendados. Mas esse post não trata dos assuntos de praxe sobre ciência, e sim das pesquisas mais bizarras do mundo científico. Portanto, se você é curioso e gosta de dar boas risadas, divirta-se: 

Ciência Maluca: os Assuntos Mais Bizarros Pesquisados

Mau humor faz bem para a memória
Psicólogos da Universidade de New South Wales (Austrália) constataram que pessoas mal-humoradas possuem mais capacidade de memorização, cometem menos erros e escrevem melhor. Isso supostamente acontece porque o cérebro se concentra mais quando a pessoa está irritada. 

Gastou demais? Culpe seus genes
Cientistas da Universidade da Califórnia descobriram que pessoas com uma mutação no gene MAOA têm até 16% mais risco de ficar devendo no cartão de crédito. Isso porque o “gene do consumismo” coordena a produção de enzimas cerebrais ligadas à impulsividade – o que acaba fazendo o indivíduo gastar mais do que pode. 

Tédio faz mal à saúde
Em 1988, cientistas ingleses entrevistaram milhares de pessoas para avaliar seu grau de tédio com a vida. Agora, 22 anos depois, voltaram a analisar os dados – e descobriram que, entre os entediados, o número de mortes de lá para cá foi 37% maior. Isso supostamente acontece porque o tédio predispõe a beber e fumar. 

Políticos gordos são mais populares
Pesquisadores da Universidade de Missouri, nos EUA, mostraram fotos de políticos a 120 voluntários – e perceberam que os candidatos gordinhos são considerados mais honestos e confiáveis do que os magros. Mas isso só vale para políticos homens. Para as candidatas, o ideal é ser magra. 

Telefone celular faz você babar mais
Uma experiência feita pela Universidade de Jerusalém descobriu que as glândulas salivares são estimuladas pela proximidade do celular: quem usa o aparelho encostado na orelha direita produz até 254% mais saliva no lado direito da boca (e vice-versa). O efeito supostamente é causado pela radiação eletromagnética emitida pelo celular. 

Nariz grande evita doenças
Cientistas da Universidade de Iowa constataram que ter nariz grande diminui a eficiência da respiração. Mas isso tem seu lado bom: faz com que os narigudos inalem cerca de 7% menos poluentes e germes causadores de doenças (como o vírus da gripe) do que quem tem nariz pequeno. 

Pum é o novo Viagra
Mau cheiro não combina com prazer, certo? Mais ou menos. Cientistas italianos descobriram que um dos componentes do pum, o gás sulfeto de hidrogênio, tem a propriedade de dilatar os vasos sanguíneos do corpo – e por isso pode funcionar como um ótimo remédio contra a impotência sexual masculina. 

Formigas usam corretor de imóveis
Segundo um estudo feito na Inglaterra, existem formigas especializadas em encontrar ninhos. Quando a colônia precisa se mudar, elas saem para procurar um novo lar, julgando aspectos como espaço e distância de outros formigueiros. Se encontrarem, voltam e tentam convencer as demais formigas. 

Eu Indico! #Blog do Valdir Coelho!

Rumo à E-Democracia!

Galera, a Internet é um meio muito democrático e transparente de se discutir diversos assuntos, graças as Mídias Sociais e aos Blogs (Citei isso neste Artigo), podemos ter acesso a um número qiuase infinito de informações, além disso, podemos nos aproximar cada vez mais de uma celebridade ou de um político!

Em Itaquaquecetuba, estamos vivendo a febre do Facebook, como ja vivemos a febre do Orkut algum dia, mas quero aqui citar um bom exemplo de interatividade!

O Engenheiro Valdir Coelho (PT), pré candidato a Prefeito em Itaquaquecetuba além de estar presente nas principais mídias sociais, lançou um Blog, que segundo sua apresentação inicial vai ter como objetivo dialogar com a população de nossa Cidade, e lançou uma importante Enquete sobre o que seria prioridade de investimento em Itaquá!

Vale apena acessar! Blog do Valdir Coelho

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Tenho Orgulho de Ter Votado Zico Prado Deputado Estadual!

Tenho Orgulho de Ter Votado Zico Prado!

Zico Prado (PT) dá uma lição de transparência ao divulgar em seu Site sua Lista de Servidores!

Em um momento em que a Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo está sendo questionada por uma sequência de escândalos e principalmente sobre sua falta de transparência, é um orgulho para mim ter apoiado e votado no Companheiro Zico Prado (PT) para representar nosso Povo na Assembléia Legislativa! Ele prova ser um Legitimo Servidor da população do Estado de São Paulo!

Zico Prado (PT), vem provar que é um legitimo representante do Povo de todo o Estado de São Paulo, quando eu escolhi apoia-lo foi por sua atuação na construção do nosso PT e na construção de um mandato democrático, popular e transparente! Zico Prado definitivamente é um Deputado de todo o Estado! Tem efetiva atuação na Fiscalização do Governo Estadual e acompanha de perto as demandas da População!

Parabéns Deputado!


Caro Leitor, Você é Cliente ou Produto?

Nota do Blogueiro: Importante reflexão sobre a Comunicação nos dias de hoje, quando um Direito se torna Mercadoria! Infelizmente a Comunicação no Brasil vem se tornando uma mercadoria e perdendo o conceito de ser um Direito do Povo. A Sociedade deve começar a fazer essa discussão e resgatar a Comunicação Social como um Direito e não uma mercadoria! Ainda bem que temos a Internet Livre, mas também devemos estar alertas afinal o Senador Azeredo quer controla-la! 

Devemos Lutar Pelo Marco Regulatório da Comunicação e Combater o AI5 Digital do Azeredo!

Caro Leitor, Você é Cliente ou Produto?

Por Eugênio Bucci 

Reproduzido do Estado de S.Paulo, 1/12/2011
 
Que a pergunta acima não lhe soe agressiva. Só o que ela pretende é indagar sobre a natureza da relação que cada um de nós mantém com os veículos que nos trazem informações jornalísticas todos os dias. Alguns são aparentemente gratuitos, como as emissoras de televisão aberta. Por outros é preciso pagar uma assinatura ou o preço do exemplar, tanto faz se esse exemplar chegue até nós pelo correio, pelas bancas ou pelos chamados tablets, como o iPad. O cenário é suficientemente óbvio: às vezes, a gente paga pelo que lê; outras vezes, não.

Acontece que a gratuidade é mera aparência, ela de fato não existe. Quando a gente não paga nada em dinheiro, paga em olhar. É aí que, em vez de cliente, a gente vira produto. Pensemos na televisão comercial de sinal aberto. Ela tem um modelo de negócio bastante conhecido: o que a sustenta é a receita de publicidade. A mercadoria essencial do negócio da televisão aberta é o tempo da programação que vende aos anunciantes. Em termos menos abstratos, o que ela comercializa, no fundo, é o olhar de seu público. Seu negócio é atrair olhar – em bom número e de algum poder aquisitivo – para depois vendê-lo aos anunciantes.

Nada de indigno nesse modelo, que é legítimo, legal e democrático. Apenas uma observação: nele o cliente é o anunciante; quanto a nós, o público, bem, somos o produto, somos aquilo que é vendido. Em troca da programação que recebemos da TV, nós a remuneramos com o tempo do nosso olhar que dedicamos aos filmetes de publicidade. Trata-se de um escambo consentido e consagrado. Tudo bem. Assim tem funcionado, de modo eficiente e lucrativo, ao menos até hoje. 

Fórmulas híbridas
Pensemos agora na relação de troca que você mantém com seu jornal. A resposta é relativamente simples, embora híbrida. Aqui, você, leitor, é cliente, pois o exemplar que você tem agora nas mãos é pago. Ao mesmo tempo, você é produto, pois há publicidade à sua espera logo ali adiante, nas páginas mais à frente. Esses anunciantes pagaram para ter acesso aos seus olhos, para ter um ou dois segundos da sua atenção. Eles esperam que você, ao tomar conhecimento do que eles estão divulgando, compre algum serviço, alguma coisa. Claro, você tem absoluta consciência da expectativa deles. Estamos, então, falando de um jogo limpo, transparente.

Com a internet as coisas já não são tão claras. Os modelos de negócio que há décadas estavam consolidados nos meios de comunicação convencionais foram transpostos para a web, embaralhando quase tudo. Há fórmulas em que o leitor ou espectador (que alguns chamam de “internauta”) precisa desembolsar seus trocados para ter acesso às notícias, aos vídeos ou aos textos (a que chamam “conteúdo”). Em outras fórmulas a gratuidade aparente prevalece – e aí, também, a publicidade paga ou pagará a conta, ainda que de forma indireta. E então? Que fórmula vai prevalecer na era digital?

Se para todos os cidadãos a interrogação é pertinente, para os jornalistas é crucial, para não dizer excruciante. De que modo a imprensa se deve relacionar com o público? Deve tratá-lo como produto ou como cliente? Se as fórmulas híbridas vão prosseguir, qual o estatuto de cada um desses dois componentes? O público, para a instituição da imprensa, deve ser visto antes como cliente ou como produto? Diante disso, os jornalistas são agregadores de olhar que depois será comercializado? Ou eles devem antes buscar a sua sustentação fundamental na remuneração – em dinheiro – que vem do público? 

Dono do olhar
O que vai ficando claro, ao menos até aqui, é que, se o público não financiar diretamente com seu dinheiro – e não apenas com seu olhar – a atividade da imprensa, nós não teremos jornalismo independente. Não custa relembrar: jornalismo independente traduz-se em redações que não se dobram ao Estado ou aos governos, assim como não cedem aos interesses de anunciantes, de igrejas, de partidos ou de ONGs. Se os cidadãos não derem sustentação a isso, não haverá imprensa livre.

Em resumo, ainda que a receita publicitária, na imprensa, possa ter cifras mais expressivas do que a receita vinda da venda de exemplares ou de assinaturas, os modelos de negócio no jornalismo devem saber pôr os interesses do público acima – e não ao lado – dos interesses dos anunciantes. A razão para isso é econômica, política e ética.

Econômica: a receita publicitária existe para remunerar o olhar do público e, desse modo, o público, dono do olhar, é quem financia, na prática, todas as operações jornalísticas. É uma ilusão acreditar que o cliente final é o anunciante.

Política: ao dar sustentação econômica à imprensa, o público dá-lhe sustentação política, pois protege a imprensa contra poderes que são estranhos aos direitos e interesses dos cidadãos. É o público que sustenta a imprensa como o contrapoder que ela deve ser.

Ética: se o público é quem paga a conta, seja com olhar, seja com dinheiro, a ele é devido respeito, na forma de informações confiáveis e de uma atividade cujos efeitos sejam, sempre, a expansão da liberdade. 

Crítica ao Facebook
De toda forma, nada disso ainda está resolvido. Muitos erros ainda serão cometidos. A boa notícia é que a pergunta que está no título deste artigo vem ganhando corpo. A propósito, o nosso título é inspirado num cartoon que circulou recentemente nas redes sociais do Brasil. Ele mostra dois porquinhos contentes comentando que na fazenda onde moram não precisam pagar por comida nem pela hospedagem. Originalmente publicado no site Geek and Poke, o cartoon recebeu depois uma legenda anônima, com uma crítica direta contra o Facebook, e assim correu o mundo. Eis o que diz a legenda provocativa: “Facebook e você. Se você não está pagando para usar, você não é o cliente. Você é o produto.”

Em tempos em que o jornalismo precisa se redefinir como negócio, é bom prestar atenção a isso.

*** [Eugênio Bucci é jornalista e professor da ECA-USP e da ESPM]

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Dilma Encara o Inquisidor!

Nota do Blogueiro: Quando eu estiver velho, com meus netos, vou contar a eles que fui contemporâneo de Dilma Roussef, Presidenta e Heróina de nossa História... Vou contar que vi um operário subir ao Poder e que votei nele... Vou detalhar a vida de Dilma Roussef, sua Campanha e seu Governo, mas acima de tudo vou ter orgulho de falar sobre como a Vontade do Povo venceu as elites aqui no Brasil!

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Homens Que Lavam Louça Têm Melhor Vida Sexual, Aponta Estudo! o_O

Nota do Blogueiro: Vale frisar que este Blogueiro que vos escreve, adora lavar louça, costuma lavar suas próprias roupas e arrumar a sua casa (Com excessão do seu quarto!). Este Blogueiro que vos escreve gosta de boa música e poesia, é tarólogo e sempre tem um bom assunto para ser conversado, é engraçado, envolvente e criativo... Ressalto também que este Blogueiro que vos escreve é atencioso, carinhoso, paciente, sensivel, caracteristiscas de seu signo, afinal como todo bom Libriano equilibrado, ele também é muito romântico... Tem como qualidades o cavalheirismo, a boa educação e adora surpreender com prresentes e principalemnte flores... Gosta de viajar, sair, e também ficar em casa assistindo um filminho, mas também costuma ouvir sua companheira a todo momento, e sempre acaba fazendo o que ela pede!

Agora Pasmem! Este Blogueiro Que Vos Escreve Está Solteiro! #FikDik

Homens Que Lavam Louça Têm Melhor Vida Sexual, Aponta Estudo 

Pesquisa da Universidade de Riverside diz que homens que partilham as tarefas domésticas com as mulheres melhoram a harmonia no casal

Um recente estudo da Universidade de Riverside, na Califórnia, aponta que os homens que partilham as tarefas domésticas com as mulheres melhoram a harmonia no casal e têm uma vida sexual mais satisfatória.
“Os homens que executam tarefas domésticas fazem as mulheres mais felizes”, disse para a agência France Presse Scott Coltrane, um dos autores do estudo, publicado no site da organização do Conselho das Famílias Contemporâneas (CCF, na sigla em inglês).

“As mulheres tendem a sentir mais atração sexual e afeição pelos maridos se eles compartilham as tarefas domésticas”, disse Joshua Coleman, psicólogo  do CCF, que acrescentou, “ a partilha de tarefas domésticas está associada a um nível mais elevado de satisfação conjugal e sexual”.

O estudo concluiu que “quando os homens fazem mais tarefas domésticas, a percepção das mulheres sobre a igualdade e satisfação com o relacionamento aumentam. E, com isso, menos conflitos o casal deve enfrentar durante o relacionamento”.

Fonte: Revista Alfa
Ocorreu um erro neste gadget

Simplicidade é Tudo...

Simplicidade é Tudo...
A Complexidade é Simples...