domingo, 26 de fevereiro de 2012

PT de Itaquá Mobilizado Para Vencer em 2012!!!

Sexta feira (24 de fevereiro de 2012) o Partido dos Trabalhadores de Itaquaquecetuba provou seu Poder de Mobilização! Apesar de ser uma sexta feira chuvosa, a militância do PT e diversos simpatizantes e aliados lotaram o Sindicato dos Metalurgicos!!! Mais de 2.500 pessoas participaram da Festa de 32 anos de fundação de nosso Partido!

O grande anfitrião foi o Companheiro Valdir Coelho pré candidato a Prefeito do PT em Itaquaquecetuba, e teve a presença de Lideranças ilustres como o Deputado Federal Vicentinho (PT), a Deputada Federal Janete Pietá (PT), os Deputados Estaduais Alencar Santana (PT), Luiz Moura (PT) e Simão Pedro (PT), o Prefeito de Guarulhos Sebastião Almeida (PT) e o ex Prefeito de Guarulhos Elói Pietá (PT). alem de representantes de diversos outros Partidos como o PSL, PRTB, PCdoB, PP, PSB, e diversos Sindicatos como a UGT, a APEOESP e o Sindicato dos Metalurgicos que cedeu seu espaço para  essa grande festividade!

O evento também homenageou o Companheiro José Cândido falecido recentemente, que teve importante papel na organização do PT na região do Alto Tietê.

Apesar das perseguições que o PT de Itaquá e o Companheiro Valdir Coelho vêm sofrendo com difamações, calunias, processos que tentam nos calar e agora a Prefeitura Municipal está arrancando os outdoors que o partido colocou na Cidade, O Partido e nosso Pré candidato seguem firmes na Luta!

Esta festa é simbólica! Reunimos 2.500 pessoas, militantes, simpatizantes, dirigentes, pessoas dos bairros, lideranças, enfim pessoas que querem Mudanças em Itaquá, 2.500 pessoas que acreditam que o PT é o caminho para desenvolver nossa Cidade! 

Lula e Dilma mudaram o Brasil! Valdir Coelho vai mudar Itaquá!


Vejam a Postagem no Blog do PT de Itaquá!

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Governo Quer Que Beneficiários do Bolsa Família Virem Empresários

Nota do Blogueiro: O Bolsa Familia quando foi idealizado durante o Governo Lula sofreu diversos ataques dos setores conservadores brasileiros, hoje ele é o maior Programa de Transferência de Renda do Mundo e reconhecido pela ONU como maneira real de combater a pobreza e a miséria. Hoje com a intenção do Governo Dilma de incentivar o empreendedorismo entre os beneficiários deste Programa, demonstra mais uma vez como ele será importante para a autonomia de milhares de famílias!

Governo Quer Que Beneficiários do Bolsa Família Virem Empresários

BRASÍLIA — Até o fim do mandato da presidente Dilma Rousseff, o governo quer transformar 400 mil pessoas dependentes do Bolsa Família em empresários. A estratégia para criar uma porta de saída para o programa de complementação de renda é usar a Lei do microempreendedor individual. Até agora, o governo identificou 103 mil pessoas que – espontaneamente – se formalizaram para prestar algum tipo de serviço. A estimativa conservadora é que esses novos empresários já movimentem R$ 1,8 bilhão na economia por ano. No entanto, o principal obstáculo para o sucesso da iniciativa é o medo de quem depende do dinheiro do governo tem de perder seu sustento.

— Eles cortam à toa o benefício — diz Maria de Fátima Lopes da Silva, que reclama ainda mais: — Se olharem que você tem máquina de lavar ou cartão de crédito, já querem cortar o benefício. Pobre também não pode ter TV.

Ela já se formalizou e pretende trocar o programa por uma renda maior no futuro gerada pelo próprio negócio, mas admite que perder esse dinheiro seria um grande problema familiar.
— Cortaram o Bolsa Família da minha cunhada só porque ela se mudou. Ela tentou e nunca mais conseguiu — conta a empregada doméstica Antônia Gomes.

O Sebrae já começou a distribuir uma cartilha para explicar que só será excluído do Bolsa Família quem ultrapassar uma renda mensal de R$ 140 por pessoa. Outro ponto que deverá ser abordado é que se o microempreendedor individual não conseguir manter um faturamento maior e precisar voltar para o Bolsa Família, não regressará para o fim da fila.

A determinação da presidente Dilma é retirar 16,2 milhões de pessoas de uma situação de extrema pobreza e inserir essa gente no mercado formal de trabalho. A principal saída é qualificação de mão de obra porque o governo sabe que não tem como transformar todos em empresários, porque é preciso duas coisas para abrir o próprio negócio: vocação e mercado consumidor. A ideia é aproveitar o sucesso da Lei.

— Sempre se combateu a praga da informalidade, mas eu não conheço nenhum país do mundo que formalizou 2 milhões de pessoas em 2 anos — alega o presidente do Sebrae, Luiz Barretto.

Até agora, o governo não incentivou novos empreendedores entre os beneficiários, apenas identificou os 103 mil que se formalizaram. Desses, somente 20% receberam a visita de um consultor do Sebrae. No estado do Rio, o número é ainda menor: 10,8% de 10.456 pessoas que recebem o benefício e já se transformaram em microempreendedor individual. A ideia é dar consultoria para todos e depois influenciar novos possíveis empresários.

— Para esse público, é ver para crer. Se a vizinha contar que se formalizou e manteve o benefício, a pessoa vai acreditar — diz Barretto.
Como no Bolsa Família, entre os microempreendedor individual, o destaque é a mulher. É ela que recebe o benefício por garantir que esse dinheiro será destinado para os filhos. No microempreendedor individual, o percentual de empresárias é de 45%: muito maior que os de microempresárias que é de 29%. A flexibilidade na jornada de trabalho é o principal chamariz: poder cuidar da casa, dos filhos e aumentar a renda.

Até para o Estado, esses microempreendores já vendem. E a tendência é aumentar o número de negócios porque o limite do faturamento anual deles subiu de R$ 36 mil para R$ 60 mil neste mês. Segundo a pesquisa mais recente, 78% não possui outra fonte de renda. No entanto, apenas 12% buscaram crédito no banco para ampliar o negócio. Dessas pessoas, 57% teve o pedido de crédito negado. Mesmo assim, o Sebrae diz que se formalizar é garantia de acesso a juros mais baixos e comprar mais barato de fornecedores e maior poder de barganha.

Hoje, cerca de 7% desses novos empresários recebem o Bolsa Família. A tendência é que com a divulgação da cartinha, esse número aumente.

Fonte: O Globo

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Dono do Jet Ski é Barão do Lixo Ligado ao PSDB do Alto Tietê!

Do Portal Brasil 247

Dono do Jet Ski é Barão do Lixo Ligado ao PSDB

247 - A polícia de Bertioga, no litoral de São Paulo, divulgou nesta quarta-feira o nome do dono do jet ski que matou uma menina de três anos no último final de semana. Ele pertence à família do empresário José Augusto Cardoso, o Zé Cardoso. Ele emprestou a máquina ao afilhado, um adolescente de 14 anos, que supostamente a pilotova no momento do acidente que matou Grazielly.

O governador Geraldo Alckmin estudava apoiar Zé Cardoso para disputar a eleição municipal de Suzano este ano, pelo PSDB. O vice-presidente Nacional do PSDB e secretário de Estado de Desenvolvimento Metropolitano, Edson Aparecido, no entanto, se mostrou contra a nomeação. Para ele, o partido deveria lançar Paulo Tokuzumi. Um dos principais motivos pela resistência é que Zé Cardoso está com seu aterro fechado por determinação da Cetesb e da Justiça há meses e tem recebido uma multa atrás da outra por irregularidades diversas no aterro Pajoan de Itaquá.

Na semana passada, a última multa recebida pelo Pajoan chegou a R$ 900 mil. Agência regional da Cetesb constatou que a empresa de Cardoso vinha recebendo novas cargas de resíduos sólidos, provenientes da coleta pública, em descumprimento à interdição imposta judicialmente desde maio do ano passado, conforme denúncia feita pela Diocese de Mogi das Cruzes. A Companhia também cancelou a autorização provisória para a área de transbordo que estava sendo utilizada pela empreiteira para transportar cerca de 250 toneladas de resíduos de Poá e Itaquaquecetuba para o encaminhamento a aterros sanitários licenciados.

Zé Cardoso pode agora ser indiciado por homicídio pelo caso Grazielly. A menina de três anos havia chegado à cidade na sexta-feira (17) junto com um grupo de dez pessoas, entre familiares e amigos, da cidade de Artur Nogueira, também no interior paulista. Era o primeiro passeio dela na praia. Ela fazia castelos de areia com a mãe na beira do mar quando foi atropelada pelo veículo em alta velocidade que saiu da água. O adolescente, segundo testemunhas, fugiu do local sem prestar socorro.

Fonte:  Brasil 247

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Adele é Comparada Com Maysa

Nota do Blogueiro: Esta matéria que encontrei fuçando o Google é antiga, de outubro do ano passado, mas é bem atual! Eu não havia reparado mas Adele e Maysa se parecem! As suas músicas que tiveram uma origem parecida para serem compostas, ambas têm a mídia questionando seus peso, e suas vozes são únicas!

Aproveitem e curtam a Maysa no Facebook!

Site Faz Comparação Entre Cantora Brasileira Maysa e Adele!

O álbum que substituiu Back to black na primeira posição entre os mais vendidos da Inglaterra, depois da morte da cantora, ilustra o término de uma relação. Adele compôs as letras de 21, lançado em janeiro, como uma maneira de exorcizar os fantasmas de um namoro que, segundo a artista, fez de sua vida um inferno. Mal sabia ela que o choro que não consegue evitar ao interpretar Someone like you seria o que transformaria seu disco num sucesso de público e de crítica.

Situação semelhante ocorreu com a brasileira Maysa. Para ela, a separação do empresário André Matarazzo foi o começo do fundo do poço, registrado no disco Convite para ouvir Maysa nº 2 (1958), seu terceiro álbum de estúdio, lançado também nos Estados Unidos e na Argentina. Convite… é considerado um trabalho irretocável tanto em termos técnicos quanto na temática dor de cotovelo.

Carro-chefe do disco, o samba-canção Meu mundo caiu é uma música precursora de Rolling the deep, de Adele. Na letra, que remete ao fato de Matarazzo ter deixado Maysa por não aceitar sua carreira no mundo da música, a cantora afirma: “Meu mundo caiu/ E me fez ficar assim/ Você conseguiu/ E agora diz que tem pena de mim/ (…) Sei que você me entendeu/ E que também não vai se importar/ Se meu mundo caiu/ Eu que aprenda a levantar”. Maysa, entretanto, nunca soube muito bem como permanecer em pé.

Fonte: AdeleBR

Artigo que Explica os Principais Festivais Pagãos!

Nota do Blogueiro: Encontrei este Artigo no Portal NeoPaganismo, vale apena ler e entender um pouco sobre os Sabbats Pagãos!

Explicando a Roda do Ano 

Os povos primitivos baseavam sua cultura na própria Natureza e as mudanças eram percebidas e celebradas. 

Os rituais eram formas de conexão com a espiritualidade, e por danças, cantos e reflexões, o homem se ligavam às divindades, agradecendo pela colheita, fazendo pedidos e vivenciando simbolicamente os ciclos naturais. 

Isto indica a grande dependência que os homens têm em relação a Terra, ao Sol e à Lua, e os efeitos das estações em nossa vida.

Num eterno ciclo de nascimento, morte e renascimento, representado pelo também eterno romance entre a Natureza (Deusa) e o Sol (Deus). 

Através dessa simbologia tão singela, as estações do ano e as mudanças climáticas eram reconhecidas e respeitadas.

Para os povos que dependiam das colheitas para seu sustento, o ponto principal deste ciclo místico é a produção de alimentos por meio da união entre o Deus e a Deusa.

Denominada como a Roda do Ano, a celebração de cada Sabbat (ou Festival) é uma experiência espiritual intensa e sublime que permite-nos permanecer em equilíbrio harmonioso com as forças da Mãe Natureza.

A Roda do Ano possui oito datas de celebrações especiais que são denominadas sabbat (ou Festivais) que tem por objetivo sincronizar a nossa energia com as estações do ano, ou seja, com os ciclos do planeta Terra. 

Ela descreve o caminho do Sol durante o ano, representando as várias fases do Deus: seu nascimento, crescimento, união com a Deusa, e, finalmente, seu declínio e morte.
Da mesma forma que o Sol nasce e se põe todos os dias, e da mesma forma que a Primavera faz a terra renascer após o Inverno, o Deus nos ensina que a Morte é apenas uma etapa no ciclo infinito de nossa evolução para podermos renascer novamente do útero da Mãe.

Nesses festivais, celebramos a Natureza, dançando, cantando, consumindo alimentos da época, agradecendo, relembrando e honrando deidades da Antiguidade.

Os Sabbats, também conhecidos como a "Grande Roda Solar do Ano", têm sido celebrados sob formas diferentes por quase todas as culturas no mundo. 

São conhecidos sob vários nomes e aparecem com freqüência na mitologia.

Tudo o que é dito no mito da Roda do Ano é um reflexo do que acontece na Natureza, tanto em humanos quanto em animais ou plantas.
É a famosa frase: "Tanto em cima quanto embaixo". Ou seja: o que acontece na Natureza acontece conosco...

A partir da época em que estamos, seguem as próximas celebrações:

Lammas ou Lughnasadh, o meio do verão (2 de fevereiro):

Marca o início da decadência do Deus. Ele inicia sua despedida rumo ao país do Verão.
É a época da primeira colheita, quando as plantas da primavera murcham e deixam cair seus frutos ou sementes para garantir nosso consumo e para assegurar futuras safras.
O verão está mais ameno; podemos sentir isso no alaranjado do céu, na sensação de "fim de férias" e a volta aos afazeres tradicionais.
Nós vamos percebendo a mudança de atitudes, a fase das férias acabou e a tranqüilidade e rotina voltam a nossas vidas.
Não só o Sol começa a enfraquecer, mas todos nós vamos ficando mais introspectivos à medida que o outono vai se aproximando.

Mabon ou Equinócio de Outono (21 de março):

O Deus se prepara para abandonar Seu corpo físico e iniciar a grande aventura rumo ao desconhecido, em direção à renovação e ao renascimento (em Yule nascendo novamente através da Deusa).
Na Natureza acontece o término da colheita iniciada em Lammas.
Mais uma vez o dia e a noite tem a mesma duração, equilibrados.
Nós também ajustamos o nosso movimento interno, equilibrando atitudes.

Samhain (1 de maio):

A Deusa chora diante da morte do Deus, mesmo sentindo a nova vida que se forma em Seu útero.
Ela sabe que é um adeus temporário.
Ele não está envolto em trevas eternas, mas prepara-se para renascer novamente através dela em Yule e re-iniciar o ciclo...
A natureza retrocede, recolhe sua fartura, preparando-se para o inverno e seu período de repouso.
Nós ficamos mais friorentos, pensativos, reflexivos...
É tempo de aquietar a mente e o coração...

Yule ou Solstício de Inverno (21 de junho):

Na noite mais longa do ano, percebemos o quão conectados estamos com a Deusa e o seu filho que nasce (o retorno do Sol).
Na Natureza, a terra está em período de repouso.
Os animais hibernam, é tempo de quietude...
Em nós, é tempo de reflexão, introspecção, acalentar novas esperanças, idealizar projetos.
A escuridão nos remete ao renascimento de todas as coisas, inclusive de nossas próprias atitudes e sentimentos.

Imbolc ou Candlemas (1° de agosto):

A. Deusa após o período de resguardo do parto, aparece como a Mãe nutridora.
O Deus (Sol) está lentamente aumentando sua força a cada dia...
Na Natureza, os dias vão ficando mais longos e o frio vai diminuindo, dando lugar a um Sol meio tímido .
A terra sob nossos pés acolhe as sementes.
Vamos "acordando" do sono do Inverno, querendo sair mais, estar em contato com os outros, respirando o ar menos gelado.

Ostara (21 de setembro):
O Deus (Sol) cresceu, tornando-se um jovem adulto. Ele está passando pela puberdade e suas forças são refletidas na vitalidade e no crescimento das plantas.
Ele está crescendo novamente.
A Deusa é agora uma bonita Virgem da Primavera, jovem, donzela dos novos ventos e esperanças que cobre a terra com seu manto de fertilidade; desperta de Seu repouso, enquanto o Deus se desenvolve e amadurece.
Ele caminha pelos campos a verdejar, e delicia-se com a abundância da natureza.
Na Natureza acontece uma explosão de cores, de flores, de energia e vitalidade.
Em nós, este é um período de iniciar, de agir, de plantar para ganhos futuros, e de cuidar dos jardins.

Beltane (31 de outubro):
Marca a chegada da virilidade dos jovens Deuses.
Agitados pelas energias em ação na natureza, os dois jovens (o Deus e a Deusa) se apaixonam:
O calor (Deus-Sol) fertiliza a terra (a Deusa), fazendo com que as sementes germinem e brotem.
Deus e Deusa deitam-se entre a relva e os botões de flores, e se unem.
A Deusa fica grávida do Deus.
A Natureza transborda vida.
Em nossos corações é tempo de retorno da vitalidade, da paixão e da consumação das esperanças; momento de nos mostrarmos e anunciarmos a que viemos.

Litha ou Solstício de Verão (21 de dezembro):
Momento em que o poder do Sol chega ao seu ápice, onde o poder da luz se encontra acima da escuridão, garantindo poder e proteção.
Ele (o Deus) é um adulto e tornou-se Pai (dos grãos), devido a sua união com a Deusa em Beltane.
Nesse instante o Sol transforma as forças da destruição com a luz do amor e da verdade.
As flores, as folhagens e os gramados encontram-se em abundância na Natureza.
É o dia mais longo do ano.
Em toda sua plenitude e poder, o Sol traz o calor do Verão e a promessa total de fertilização do solo, dos grãos, para que haja uma colheita farta e abundante.
Nesse período celebramos a abundância, a luz, a alegria, o calor e o brilho da vida.
Animais crescem livres e sabem que os raios protetores do Sol irão prover suas necessidades.

Dessa forma alegórica e muito singela, comemoramos cada mudança de estação, percebendo a Natureza e percebendo a nós mesmos, conhecendo um pouco mais sobre esse grande mistério que é a vida. 

E quanta "magia" ela contém... 

Texto de Mirhyam Conde Canto

II Encontro de Blogueiros e Redes Sociais do Alto Tietê

Nota do Blogueiro: O I Encontro foi o 4° Maior Encontro do País, sem dúvida este será o maior Encontro realizado no Brasil!!!  

Do Blogueiros do Alto Tietê 

VEM AÍ: II ENCONTRO DE BLOGS E REDES SOCIAIS DO ALTO TIETÊ

Está confirmado o II Encontro de Blogs e Redes Sociais do Alto Tietê. Este ano, o evento será realizado em Suzano, dia 21 de abril, no Teatro Armando de Ré. Os blogueiros, usuários de redes sociais e comunicadores em geral já se programam para realizar um grande debate das mídias alternativas, da liberdade de expressão, democratização dos meios de comunicação, do acesso à banda larga e da inclusão digital.

O Alto Tietê vem protagonizando nos últimos anos importantes eventos com o objetivo de discutir a internet e os meios de comunicação. A região já foi palco de uma Conferência Regional de Comunicação, Feira de Instalação de Software Livre, debate sobre o AI5 Digital, além do encontro de blogueiros que se realizou ano passado, em Poá. Naquela oportunidade, ao longo do dia, mais de 200 participantes acompanharam as palestras de representantes da região, a exemplo de Ana Maria Coelho, do Instituto Ethos, e de conhecidos debatedores, como os jornalistas Paulo Henrique Amorim e Leonardo Sakamoto, além do Deputado Federal Ivan Valente (PSOL).

Os Blogueirosat, como são chamados os participantes do movimento, promovem o evento também como intuito de celebrar a contribuição dada pelos internautas para aprimorar a democracia do país. A internet tem sido palco de grandes discussões do espaço público e a partir dela diversos movimentos e manifestações tem ocorrido em todo o Brasil. As cidades do Alto Tietê têm problemas semelhantes e os usuários da rede podem cada vez mais contribuir nos debates e propor soluções.

Os eventos na região também têm sido marcados pela diversidade de seu público. A Historiadora e representante da Comissão Nacional de Blogueiros, Conceição Oliveira, quando participou do "Debate e Confraternização", em Dezembro de 2011, comentou sobre o assunto. “O que eu gostei de ver aqui, e é diferente dos lugares em que tenho ido, é a diversidade de idade, participação de políticos e militantes de vários partidos. É isso mesmo, o direito à comunicação, à banda larga, não pode ser um briga partidária, tem de ser uma briga da sociedade civil”, lembrou.

Informações sobre palestrantes, inscrições e outros detalhes podem ser acompanhadas em www.blogsdoaltotiete.blogspot.com e www.twitter.com/blogueirosat.

Veja fotos e vídeos dos eventos:

Fotos 

Repercussão Mídia Caricata, Joselito, Folhetim Cultural, Fafá, Jair . Todas as reportagens nas mídias impressas podem ser acompanhadas nos links do arquivo do blog.

Comissão II BlogueirosAT

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Verás Que Filho Fiel Não Foge a Luta!

Verás Que Filho Fiel Não Foge a Luta!

Quem sou eu? e você quem é?
Sou joão ou maria, sou o luiz inácio e também sou o josé
Um guerreiro gavião com orgulho e paixão, e não paro de lutar
Oh, abram alas, deixa eu passar que a fiel vai desfilar (bis)


Verás que um filho teu não foge a luta
Que apesar da vida dura, ele se orgulha desse chao
Verás que com carisma e muita fé
Mata no peito e põe no pé, sempre encontrado a solução
Da poeira do sertao, para o cinza da cidade
Sampa da minha garoa, terra de oportunidades
A metamorfose de um escorpião
Ah! mãezinha querida, a lição de vida pra superação


Sou eu, sou eu, sou eu, o operario batuqueiro
Que embala a fiel
Sou eu, sou eu, sou eu, o duelo que inspira (refrão)
A batalha em cordel
A estrela que brilha, na luta pela igualdade
Eu sou a garra e a uniao, a vitória da liberdade


Viajei em busca de um brasil ideal
E sonhei com uma potência mundial
Quem diria que vindo de onde veio, ele chegaria lá
Se tornando presidente dando esperança a gente
De um dia se realizar


Vamos juntos saldar, salve o santo guerreiro
Saravá, saravá ele dá proteção
São jorge é meu santo padroeiro (refrão)
E o corinthians é nossa paixão.


Entrevista com o Engenheiro Valdir Coelho (PT), Pré Candidato a Prefeito em Itaquaquecetuba

Nota do Blogueiro: Nesta ótima entrevista o Companheiro Valdir Coelho (PT) deixa claro que está ao lado do Povo e em especial ao lado da juventude!
 
ENTREVISTA CONCEDIDA AO JORNAL GAZETA REGIONAL / Ano 5 / Nº 73 / 2º Quizena de Janeiro / 2012

Breve Perfil do Engenheiro Valdir Coelho (PT)
 
Morador de Itaquá à 35 anos, Pai de quatro filhos, Engenheiro Civil, filiado ao Partido dos Trabalhadores.

Possui vasta experiência pública, sendo  Secretário de Serviços Urbanos na Prefeitura de Jacareí (1975),  Secretário de Obras de Itaquaquecetuba em (1977), Gerente Regional da SABESP em Mauá (1991), Secretário de Planejamento em Itaquaquecetuba (1993), Gerente Técnico da Cooperativa de apoio dos mutirões do CDHU em Itaquá, Guarulhos, São Paulo e Suzano, Assessor Técnico do Gabinete da Subprefeitura do Itaim Paulista em São Paulo (2005) e Secretário de Planejamento em Ferraz de Vasconcelos (2010). Disputou várias eleições e em 2008 ficou em 2º Lugar com 32.698 votos na disputa à Prefeitura de Itaquaquecetuba. É Presidente da  ADHONEP  (Associação de Homens de Negócio do Evangelho Pleno).

Entrevista

1º – Quem é Valdir Coelho?

Resposta: Sou morador de Itaquá a mais de 30 anos, moro e trabalho aqui. Sou pai orgulhoso de quatro filhos. Sou Engenheiro Civil e tenho no Evangelho minha doutrina religiosa e o sonho de ver Itaquaquecetuba crescer como o Brasil vem crescendo nos últimos anos!

2º -  Vemos em seu perfil que você já passou por diversas funções públicas em diversas Cidades. Como foram essas experiências?

Resposta: Cada experiência foi única! Aprendi muita coisa e continuo aprendendo! Esses anos que tenho de vida pública me deram muita experiência, me ensinaram que um Administrador Público deve ter como prioridade um ótimo planejamento e ouvir a população para de fato ajudar a mudar para melhor a vida das pessoas.

3º – Por quê a Politica é importante para o Engenheiro Valdir Coelho?

Resposta: Porquê ela é a ferramenta que temos para mudar a realidade, é a arte de fazer o bem a quem mais precisa e com ela podemos mudar e melhorar vidas!

4º – Você é filiado ao Partido dos Trabalhadores, um dos maiores Partidos do Brasil e que se consolida em seu terceiro mandato Presidencial. Como é sua relação com as Lideranças do PT em nível nacional e estadual?

Resposta: Primeiramente devo falar de nosso Município. O PT de Itaquá está unido e tenho uma ótima relação com cada militante petista daqui. A cada dia que passa conheço muitas figuras importantes do PT que estão conosco em Itaquá. São dezenas de lideranças entre Prefeitos, Deputados e Ministros! Mas destaco o Presidente Nacional do PT, o Deputado Rui Falcão, o Secretário Geral Nacional do PT, Elói Pietá e o Presidente Estadual do PT Edinho Silva. Itaquaquecetuba é uma das 119 Cidades Prioritárias para o PT em todo o Brasil em 2012!

5º -  Hoje um dos maiores problemas de todas as Cidades do Brasil é a saúde pública. Isso também é um problema em Itaquá?

Resposta: Hoje a saúde é uma coisa preocupante em Itaquá, as coisas pioram cada vez mais, veja o que aconteceu no Hospital Santa Marcelina, que foi fechado o ambulatório, o CSII que era  para ser reformado se encontra abandonado e o Hospital que era para ser  referencia para tratar da saúde da mulher hoje é ocupado para tratar de forma precária outras especialidades e  o  Hospital Municipal não funciona de acordo as necessidades para atender a demanda do nosso povo. No Caso do Santa Marcelina, a Prefeitura deveria ter feito um esforço junto ao Governo do Estado para não fechar o Ambulatório, além disso, vemos hoje o Ministério da Saúde com excelentes programas para os municípios e deve-se incluir Itaquá em cada um deles.

6º – A segurança pública é um problema em todo o Estado de São Paulo. E em Itaquá? O que acontece na segurança pública aqui?

Resposta: Apesar da Segurança publicar ser uma competência do Estado, o Poder Público Municipal deve também ter uma colaboração nessa área. Itaquá faz parte por exemplo do PRONASCI importante Programa Nacional de Segurança Pública do Governo Federal, acho que essa parceria com o Governo Dilma deve ser ampliada, além disso devemos pensar forma de valorizar nossa GCM e ouvir a população dos bairros da Cidade.

7º – Itaquá é uma Cidade com grande população jovem, o que você pensa para essa juventude?

Resposta: Eu costumo dizer que a Juventude não é apenas o futuro, mas é o presente, a juventude é o agora! Hoje nosso jovem para ter acesso ao esporte, ao lazer e a cultura, infelizmente acaba indo para outros municípios. O Poder Público em Itaquá deve pensar uma Política Pública para a juventude, que inclua educação, cultura, esporte e principalmente capacitação profissional para o jovem conseguir o primeiro emprego e ter um crescimento profissional continuo.

8º – Recentemente o Governo Federal escolheu Itaquaquecetuba para instalar um Instituto Federal de Tecnologia. O que deve ser feito pela educação em nossa Cidade?

Resposta: Devemos zerar o déficit de vagas em creches! Não podemos admitir que tenham crianças fora das creches em nossa Cidade. Outra coisa importante é acabar com o chamado “turno da fome”, que é aquele período que a criança fica na Escola das 11h00 as 15h00, e investir para que nossa Rede Municipal seja de período integral. Consolidar um Plano Municipal de Educação com participação efetiva dos Estudantes, Pais, Professores, Funcionários e Gestores e não podemos nos esquecer do investimento no Ensino Técnico para nossos estudantes. Itaquá deve “abocanhar” todos os projetos do Ministério da Educação! Vou mais além existe o PRONATEC e o PROUNI do Governo Federal, nossa Cidade deve ter um Curso Pré Vestibular para preparar nossos estudantes para ingressar nestes Programas e nas Universidades Públicas!

 9º – Qual Mensagem você deixa para os leitores?

Resposta: A mensagem que deixo é simples: Quero dialogar, conversar com cada cidadão de Itaquá! Quero trocar muitas ideias com vocês! Por isso agora estou aprendendo a ser Blogueiro (Risos) e estou nas Redes Sociais, convido o leitor para terminar essa entrevista no Facebook, no Twitter, no Orkut e em meu Blog! É só acessar: www.meadiciona.com/valdircoelhopt ou mandar um e-mail para valdircoelhopt@gmail.com
 

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

10 Oportunidades de Estágio de Jornalismo em São Paulo!

Nota do Blogueiro: Seguem 10 oportunidades para Estágio em Jornalismo! A fonte destes estágios é o Clube do Jornalismo. Quando tomei a decisão de fazer o Curso de Jornalismo, todas as pessoas pessimistas falavam "Não tem estágio na área! É dificil entrar no mercado", Em menos de 20 dias publiquei aqui mais de 30 oportunidades na área! Se isso significa que não existem vagas, poha! Imaginem se existissem!

Envie seu Curriculo para esses e-mails e coloque no Campo "Assunto" a Descrição de "Vaga de Estágio"

Corre lá!!!

SP – Estágio de jornalismo. Contato: alessandrab@soap.com.br

SP – Estágio de jornalismo. Contato: camila@interamericanetwork.com

SP – Estágio de jornalismo. Contato: luciano.costa@editoralumiere.com.br

SP – Jornalista. Contato: visibilidade@acsc.org.br

SP – Estágio de jornalismo. Contato: selecaoemcomunicacao@gmail.com

SP – Estágio de jornalismo. Contato: lais@bigbangonline.com.br

SP – Estágio de jornalismo. Contato: rh@vipcomm.com.br

SP – Estágio de jornalismo. Contato: roberto@brasilenergia.com.br

SP – Estágio de jornalismo. Contato: vagas@analise.com

SP – Estágio de jornalismo. Contato: hele.dias@gmail.com

Vamos Ajudar a Casa da Criança de Itaquá!

Dia 11 de março vai rolar o Yakisoba em prol da Casa da Criança! Estão todos convidados, além de podermos saborear um delicioso Yakisoba, ainda estaremos ajudando uma Entidade Séria que tem um Trabalho Lindo!

Data: 11 de março de 2012
Horário: A partir das 12h00
Local: Escola Municipal CAIC - Rua Santa Catarian, 382, Morro Branco

Também vai rolar a Corrida Beneficente da Casa da Criança!!! Inscrevam-se já!

Data: 25 de março de 2012
Largada: Pq. Ecológico de Itaquá as 8h00

domingo, 12 de fevereiro de 2012

Dinheiro Pelo Ralo! Dívida de Itaquaquecetuba Cresce 143.427% de 2005 a 2010

Segundo a AUDESP (Auditoria Eletrônica de Órgãos Públicos de São Paulo), Itaquaquecetuba viu sua divida crescer em 05 anos (2005-2010) mais de 143.000%!!!

Em 2005, o montante da dívida fundada de Itaquaquecetuba era de R$ 175.970,25 (Cento e setenta e cinco mil, novecentos e setenta reais e vinte e cinco centavos) e em 2010 ela teve um aumento de 143.427,09% (Cento e quarenta e três mil e quatrocentos e vinte e sete, virula nove por cento)! chegando na casa dos R$ 252.564.978,33, (Duzentos e cinquenta e dois milhões, quinhentos e sessenta e quatro mil e novecentos e setenta e oito reais e trinta e oito centavos) É muita grana!


Ou seja, a atual administração que se encontra na Prefeitura, vai deixar uma Herança Maldita de mais de 250 milhões de reais em dívidas!

Isso é o símbolo do atual Governo Municipal, um Governo que faz o mínimo pelo Povo e o Povo paga caro por isso! Uma Prefeitura que não valoriza o povo de nossa Cidade!

O Prefeito Armando da Farmácia (PR) faz a dívida, a Câmara dos Vereadores se cala e o Povo tem que pagar por isso! O Povo de Itaquá que rala, trabalha e recebe seu dinheirinho suado vai ser obrigado a paar essa dívida!

2012 é ano de eleição, não podemos deixar que isso continue, o Poder de Mudar estará em nossas mãos!

#Luto! Faleceu o Companheiro José Cândido!

Meu inicio de militância no PT, foi em 2006, onde tive a oportunidade de conhecer o companheiro José Cândido, um exemplo de Líderança, Humilde e de Luta. Então decidi apoia-lo naquele ano de eleição. Foi minha primeira Campanha Eleitoral.

Eu e José Cândido em 2007
Em 2007 foi diferente, Seu Cândido veio me apoiar! rsrsrs! Fez questão de participar do Congresso da UMES (União Municipal dos Estaudantes Secundaristas) que me elegeu Presidente! Não apenas participou do Congresso, mas fez um importante debate com a gente sobre o protagonismo da juventude.

Idealista, ético, batalhador, Seu Cândido foi um exemplo de Militante, contribuiu fortemente para o crescimento do PT na região, pode ter partido nesta manhã, mas ele deixou um Legado que ficará para a História!

José Cândido Presente!!!

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Concurso Garota Verão Diário do Alto Tietê! Votem na Tainá Oliveira!

Como todos sabem, nosso Blog sempre se posiciona sobre algum assunto relevante ou concurso também relevante! Está rolando na região do Alto Tietê o Concurso "Garota Verão"  do Jornal Diário do Alto Tietê, e quero pedir o seu voto para a Tainá Oliveira de Itaquaquecetuba!
Tainá Oliveira, mora em Itaquaquecetuba, tem 19 anos, é libriana, pesa 54 quilos, 83 de busto, 64 de cintura, 90 de quadril, olhos e cabelos castanho e tem 1,65 de altura, inteligente, meiga e cheia de talentos! enfim uma Miss! rsrsrsr!!!

Conheça mais a Tainá acessando seu Perfil do Concurso! Aproveite e Vote nela também!

A votação se encerra dia 24 de fevereiro de 2012, por isso vote já!

Aprovação da PEC dos Jornalistas Pode Sair Dia 29 de Fevereiro!

FENAJ e parlamentares buscam aprovação da PEC dos Jornalistas no dia 29 de fevereiro
 
Reunida em Brasília nos dias 7 e 8 de fevereiro, a Executiva da FENAJ cumpriu extensa agenda de contatos no Congresso Nacional pela aprovação de matérias de interesse dos jornalistas, entre elas a PEC dos Jornalistas, que reinstitui a exigência do diploma para o exercício profissional do Jornalismo, o PL 1078/11, sobre a federalização de crimes contra jornalistas, e o PL 2960/11, que propõe a instituição do Piso Nacional dos Jornalistas. A FENAJ e a Frente Parlamentar em Defesa do Diploma trabalham pela votação da PEC dos Jornalistas em 2º turno no Senado no dia 29 de fevereiro.

Com acordo de lideranças já firmado pela segunda votação da PEC dos Jornalistas no Senado em fevereiro, dirigentes da FENAJ dialogaram com o autor da proposta, senador Antônio Carlos Valadares (PSB/SE), com o relator, senador Inácio Arruda (PCdoB/CE) e com os coordenadores da Frente Parlamentar em Defesa do Diploma, deputados Paulo Pimenta (PT/RS) e Rebecca Garcia (PP/AM). A avaliação geral foi de que a melhor data para colocar a PEC 33/09 em votação no plenário do Senado será o dia 29 de fevereiro. “Como necessitamos de 49 votos favoráveis para que o texto seja aprovado, embora já tenhamos um número superior de senadores em apoio à proposta, precisamos votar a proposta com o plenário cheio”, lembra o presidente da FENAJ, Celso Schröder.

A orientação da Federação é de que todos os apoiadores da campanha em defesa do diploma ampliem a mobilização para assegurar a presença dos senadores de seus estados em Brasília no dia 29, bem como seu apoio à PEC. “Precisamos de uma forte mobilização porque nosso objetivo é, imediatamente após a votação no Senado, visitarmos o presidente da Câmara dos Deputados para agilizar a apreciação da matéria”, revela Schröder.

Federalização de Crimes Contra Jornalistas
A agenda de contatos institucionais da Executiva da FENAJ iniciou-se com uma audiência com o deputado federal Delegado Protógenes (PCdoB-SP), autor do Projeto de Lei 1078/11 que propõe a federalização da apuração de crimes contra jornalistas quando houver omissão ou ineficiência das esferas competentes. O parlamentar defende que os crimes contra jornalistas precisam de uma investigação realizada por uma polícia isenta e sem a influência de poderes coronelistas locais. Com a federalização dos crimes contra jornalistas a Polícia Federal passa a ser responsável pela investigação e a Justiça Federal o foro adequado para o julgamento.

O entendimento firmado entre a FENAJ e o parlamentar é de promover audiências e seminários em diversos locais do país para ampliar o apoio social à proposta. “Este projeto dialoga com o esforço internacional das organizações sindicais dos jornalistas por maior segurança nos trabalhos da imprensa. Por isso, nessas atividades que promoveremos conjuntamente contaremos com a participação de instituições internacionais”, informa o presidente da FENAJ.

Piso Nacional
Um encontro da Executiva da FENAJ com o deputado André Moura (PSC/SE) traçou os movimentos a serem tomados pela aprovação do Projeto de Lei 2960/11, que institui o piso nacional dos jornalistas. Celso Schröder conta que a Frente Parlamentar em Defesa do Diploma apoiará o autor do projeto do piso pela constituição de uma nova frente em defesa da proposta.

Para o presidente da Federação, o esforço concentrado da Executiva da FENAJ nos contatos com parlamentares foi extremamente positivo. “As questões do diploma, da segurança e do piso dos jornhalistas conformam nossa grande agenda em defesa do exercício pleno do Jornalismo com liberdade, condições de trabalho e democracia”, avalia.

Fonte: FENAJ

Artigo: É hora de Punir os Corruptores

É Hora de Punir os Corruptores 
Por Carlos Zarattini

O ano de 2012 começa com o Congresso Nacional diante do desafio histórico de estabelecer um marco legal para a vigência dos valores éticos nas relações entre o público e o privado no país.

Trata-se da apreciação do projeto de lei 6826/2010, encaminhado ao Congresso pelo ex-presidente Lula, para contornar a falta de uma legislação que responsabilize pessoas jurídicas em atos contra a administração pública nacional e estrangeira, em especial pelos atos relacionados à corrupção.

No noticiário, dificilmente se fala do papel das empresas corruptoras nas tramas que solapam os cofres públicos. Não há corrupção sem corruptor e, por trás de todos os escândalos, normalmente há disputas milionárias por contratos.

Há uma tendência de resumir todos os males ao setor público e aos políticos, mas a verdade é que segmentos da iniciativa privada estão ligados aos recorrentes escândalos e ao superfaturamento. Isso não acontece só no Brasil, mas também em democracias já consolidadas.

Empresas que usam artifícios que não são republicanos para obter favores arruínam os princípios morais, semeiam maus exemplos e impregnam a sociedade do sentimento de que se pode levar vantagem em tudo.

O projeto de lei dispõe sobre a responsabilidade administrativa e civil de pessoas jurídicas e dá mais um passo nas ações de combate à corrupção que estão sendo adotadas desde 2003.

Ele é mais rigoroso e abrangente que a Lei de Licitações e inclui, por exemplo, punições a atos de corrupção relacionados ao âmbito tributário, ao sistema bancário público e às agências reguladoras.

Cumpriremos obrigações assumidas perante órgãos como a ONU, a OEA e a OCDE. O projeto de lei prevê multas e sanções administrativas, como a proibição de contratos com o setor público.

Uma comissão especial na Câmara da qual sou relator tem realizado audiências públicas para ouvir empresários, juristas e órgãos de controle. Vamos colocar o Brasil no rol dos países que já contam com uma legislação que responsabiliza pessoas jurídicas por atos de corrupção, como os EUA (1977), a Espanha (1995) e mais recentemente o Reino Unido (2010).

O projeto prevê também a responsabilização objetiva das empresas, afastando a discussão sobre a culpa ou dolo da pessoa física na prática da infração.

Retira-se também a necessidade de identificação da autoria da conduta, com as dificuldades inerentes de comprovação dos elementos subjetivos envolvidos na caracterização do ilícito. Impõe-se a responsabilização da pessoa jurídica, uma vez comprovado o fato, o resultado e o nexo causal entre eles. Isso não significa, porém, eliminar eventual responsabilização da pessoa física em processo apartado.

Defendemos ênfase na responsabilização administrativa e civil porque a realidade mostra que esses processos têm se revelado muito mais rápidos e efetivos no combate à corrupção.

É preciso também um foco especial no sistema financeiro, com punições para as omissões de funcionários públicos que fiscalizam o setor e também para a ação de inescrupulosos operadores.

Na crise de 2008, nos Estados Unidos, foi possível observar que operadores do sistema financeiro estiveram na gênese dos problemas e, a despeito da existência de lei, não foram punidos.

Mas, para a transformação do projeto em lei, vencendo as naturais resistências, será fundamental a participação da sociedade e sua manifestação favorável a essa histórica medida. 

*Carlos Zarattini, deputado federal (PT-SP). Publicado originalmente no jornal Folha de São Paulo (22/01/2012).

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Por Que Concessão Para Exploração Não é a Mesma Coisa Que Privatização?

Nota do Blogueiro: Após o Leilão de Concessão dos Aeroportos de Viracopos, Cumbica e JK terem dado certo a grande Imprensa e a oposição ao Governo Popular do PT, fazem um Show de piadas e mentiras comparando a nossa Concessão com a Privatização! Leiam esta matéria do Portal da Bancada do PT no Senado:


Por Que Concessão Para Exploração Não é a Mesma Coisa Que Privatização?

Uma confusão de conceitos vem sendo repetida com insistência nos últimos dias, após o êxito do leilão de concessão das áreas de serviço de três dos mais importantes aeroportos brasileiros – Viracopos e Cumbica, em São Paulo, e JK, no Distrito Federal. A oposição ao governo do PT, pautada pela mídia dominante, tenta ocupar espaços no Congresso para impor a versão de que o governo do Partido dos Trabalhadores rendeu-se à ideologia neoliberal do PSDB e aderiu às privatizações. Nada mais falso. Tão falso que a mesma mídia se confunde em suas manchetes e reportagens, trazendo, numa mesma matéria as duas expressões. A prática não é nova. A palavra privatização é colocada no título – para posterior utilização no horário político ou na campanha eleitoral – mas a palavra concessão, a que é correta, aparece no texto, em letras menores. Mas o que é concessão e o que é privatização? Por que elas não são a mesma coisa? Essas são algumas das perguntas respondidas na sequência para esclarecer a militância e os filiados do PT, para que não se deixem enganar. Não comprar gato por lebre.

Qual é a principal diferença entre concessão e privatização?
A privatização vende os bens da empresa estatal, o patrimônio público, e transfere a exploração da atividade econômica dessa estatal para o capital privado. A privatização nada mais é do que transferir para o setor privado a titularidade e gestão de empresas que até então pertenciam ao Estado. A concessão, ao contrário, prevê que os bens e serviços a serem explorados serão devolvidos ao Estado ao final do contrato – ou a qualquer momento, se o governo julgar a retomada da exploração dos serviços como de interesse público. Além dessa enorme diferença entre um e outro, o governo do PT manteve a Infraero, uma empresa do Governo Federal que terá 49% do capital no controle das empresas que vão explorar os serviços nos três aeroportos. 

O que vai acontecer após o fim da concessão?
Quando o contrato de 30 anos de concessão terminar, os aeroportos voltam a ser controlados pelo Estado. Mas, sendo conveniente ao governo e ao País, esses contratos poderão ser renovados. 

Tem fundamento o discurso da mídia e da oposição de que o Governo Federal, por imposição ideológica do PT, era contrário a processos desse tipo?
Não há qualquer fundamento. Assim como os aeroportos que agora estão sendo concedidos para exploração, o governo do PT, durante os oito primeiros anos da gestão do ex-presidente Lula, assinou contratos semelhantes com ferrovias, rodovias e concessionárias de energia elétrica, sempre dando prioridade à modalidade de menores tarifas. Também não é novidade a concessão de aeroportos. Em agosto do ano passado foi realizado –  e com êxito semelhante – o leilão que concedeu para exploração privada o aeroporto de São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte. O ruído que se promove agora, portanto, não tem cabimento. Seu único propósito é dizer que o governo do PT se aproxima da ideologia privatizante do PSDB – o que é uma arrematada bobagem. 

Durante as privatizações do governo FHC, dizia-se que o dinheiro arrecadado serviria para pagar a dívida pública da União. Para aonde vão os recursos arrecadados com os leilões de concessão?
A justificativa tucana para privatizar empresas que pertenciam ao patrimônio público, infelizmente, não foi cumprida. A dívida pública era de R$ 60 bilhões em 1995, no primeiro ano de governo FHC. Quando seu governo terminou, a dívida era de R$ 245 bilhões – o que nos leva a perguntar onde foi parar o dinheiro arrecadado com a liquidação na bacia das almas das empresas vendidas. No caso dos contratos de concessão a serem assinados para exploração dos aeroportos, o dinheiro tem um destino: o Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC). O FNAC é vinculado à Secretaria de Aviação Civil, que responde diretamente à Presidência da República e tem como objetivo destinar recursos ao aprimoramento do sistema da aviação civil. O dinheiro será aplicado em projetos de desenvolvimento e fomento da aviação civil e das infraestruturas aeroportuária e aeronáutica civil. Quer dizer, será investido em outros aeroportos brasileiros. 

A mídia está divulgando que um dos efeitos da concessão é o encarecimento das passagens aéreas. Procede? 
Não procede. O objetivo da concessão é ampliar a infraestrutura aeroportuária. Haverá maior oferta de voos e maior concorrência entre as companhias aéreas – o que deverá provocar a redução das tarifas. 

Outra dúvida que vem sendo noticiada é sobre a capacidade de trabalho e investimento das empresas que venceram o leilão. Como o governo pode garantir que as empresas vencedoras cumprirão com o que está nos contratos? 
Os contratos preveem multas elevadas, no caso de a empresa não dar conta das obras de ampliação e de atendimento da demanda. 

E a Infraero, como fica com a concessão?
A Infraero é a estatal responsável pela operação de 66 aeroportos, nos quais estão concentrados 97% dos passageiros que viajam de avião no País. Para ter uma noção de sua responsabilidade, 155,4 milhões de pessoas utilizaram os aeroportos brasileiros em 2010. A Infraero continuará administrando todos os demais aeroportos fora do regime de concessão – o que, hoje, representa 67% do movimento de passageiros. Além disso, a Infraero será acionista das concessões com até 49% do capital social. Essas são as principais – e verdadeiras – diferenças entre privatização e concessão. Qualquer outra argumentação que a oposição ou a mídia dominante apresentar tem como único propósito confundir a opinião pública, tentando impor a versão de que o PT copia as mesmas práticas entreguistas que infelizmente o Brasil assistiu durante os oito anos de governo do PSDB.

Com informações da Secretaria Nacional de Aviação Civil
 
Ocorreu um erro neste gadget

Simplicidade é Tudo...

Simplicidade é Tudo...
A Complexidade é Simples...