quinta-feira, 21 de março de 2013

E aí? Topa mudar o mundo?


E aí? Topa mudar o mundo?

*Por Marcello Barbosa

Vivemos em um planeta acelerado! O tempo é curto, os afazeres são muitos e os problemas, esses sim são longos e variados. Mas mesmo assim milhões de jovens por todo o Planeta veem levando muito a sério a ideia de mudar o mundo! E isso sim é possível.

Na verdade apesar do tom desafiador da pergunta “Topa mudar o mundo” se cada um de nós fizermos nossa parte, com certeza podemos mudar o mundo. Não podemos nos acomodar, achar que as coisas só vão piorar, ou que nada muda e que todas as pessoas são ruins. Devemos começar a mudar nosso pensamento e a partir daí mudar nossas atitudes.

ATITUDE! Isso muda o mundo! Nessa palavrinha a gente consegue encontrar a forma de mudar o mundo, mudar nosso Brasil, nosso Estado, nossa Cidade e nossa Rua! Ufa! Sim, mudando nossos hábitos, concertando o mundo a partir de nós mesmos é o primeiro passo. Parece bobagem? Mas não é! Depois vem a segunda parte, encontrar pessoas que também querem mudar o Mundo. Olhe ao seu redor. Será que na sua rua não tem uma entidade que precise de você? Será que na sua cidade não tem um lugar onde precisam de você? Com certeza alguém perto de você precisa da sua ajuda, por isso fique atento!

VOLUNTARIADO! Atitude simples que tem como característica o amor ao próximo. Todos os cantos do Planeta precisam de voluntários, pessoas comuns que podem ajudar muitas outras pessoas. Voluntariado no bairro, em instituições filantrópicas, na igreja, em hospitais... Mas afinal o que você pode fazer como voluntário? O que você puder e for necessário! Sabe cantar, ou dançar, ou escrever, ou ler, ou cozinhar, ou brincar? Ensine o próximo! Gosta de passear? Visite um asilo, uma Instituição que cuida de crianças, ou um hospital. Voluntariado é fazer o bem, sem olhar a quem!

ATIVISMO! Atitude que tem como característica a paixão de mudar o mundo! Abrace uma causa! Abrace a ideia de mudar o mundo e transforme ela em ações que mudem o cotidiano das pessoas! Como? Participando de movimentos organizados que defendem direitos humanos ou defendem os animais, também temos a defesa do meio ambiente, dos sem teto e sem terra, ou simplesmente o ativismo do seu bairro, da sua cidade, defender a “bandeira” do lugar que você mora pode fazer muita diferença.

Mudar o Mundo, melhorar o nosso País pode parecer uma tarefa difícil mas que se faz necessária e urgente. E só atitudes podem fazer essa mudança e elas partem diretamente de nós mesmos, no dia dia, organizadamente ou não, mas o importante é que façamos isso já. Devemos agir localmente, para mudar globalmente, ações boas aqui no Brasil que um dia quem sabe pode se refletir do outro lado do mundo, como a velha teoria do efeito borboleta.

E aí? Você vai topar?

*Marcello Barbosa é Blogueiro e Estudante de Jornalismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, Mas Não Desrespeite!!!
Me Reservo ao Direito de Não Publicar Comentários Anônimos Que Denigrem, Atacam ou Caluniam Terceiros.

Ocorreu um erro neste gadget

Simplicidade é Tudo...

Simplicidade é Tudo...
A Complexidade é Simples...