terça-feira, 21 de maio de 2013

UNICSUL se expande enquanto desmonta o curso de Jornalismo!


UNICSUL se expande enquanto desmonta o curso de Jornalismo!

*Por Marcello Barbosa

Às vésperas da PRI (Prova Regimental Integralizada) da Universidade Cruzeiro do Sul, conhecida popularmente por UNICSUL, venho fazer uma breve reflexão sobre o Curso de Jornalismo e sobre a própria Universidade neste momento.

Dias atrás recebi um e-mail da Universidade e por sorte não era uma cobrança, afinal é de costume receber e-mails de cobrança, pois sempre atraso sua mensalidade altíssima. Era um e-mail muito feliz, afinal o Grupo Cruzeiro do Sul Educacional havia comprado a UNIFRAN (Universidade de Franca) e o Colégio Alto Padrão. Especula-se que a UNIFRAN custou a bagatela de R$ 150 milhões. Em 2012 a UNICSUL também adquiriu a Universidade da Cidade de São Paulo (UNICID).

Vale ressaltar que 37% do Grupo Cruzeiro do Sul pertence ao Grupo inglês ACTIS e que atualmente tem um faturamento anual de R$ 500 milhões de reais por ano. É muita grana!

Fico mega feliz por isso, fico feliz em saber que meus quase seis mil reais que invisto pagando minha mensalidade todo semestre estão sendo bem aplicados! Essa galera que administra a Universidade são bons! Muitos bons! Só que não!

Passamos por uma crise no Curso de Jornalismo, isso é um fato, afinal nos últimos três semestres a Universidade não abre turmas para este curso. Não apenas isso, assistimos de camarote a saída de professores de comunicação, e para piorar a situação temos problemas com diversos aparelhos de nosso Núcleo de Comunicação. Será que os responsáveis da Universidade não se deram conta que o material que isola o som no estúdio de rádio está tão velho e cheio de ácaros e se tornou um problema também de saúde para estudantes, e funcionários? Será que não perceberam que falta uma manutenção mais rigorosa nos computadores que “de vez em sempre” são infectados com vírus e atrapalham o dia dia do estudantes e professores? Acho que não perceberam essas coisas por que a muito tempo esqueceram do curso de jornalismo.

Hoje o Grupo Cruzeiro do Sul Educacional, trocou seus princípios de contribuir com a educação de milhares de estudantes pelo principio do lucro acima do bem e do mal, está deixando de ser uma Instituição Educacional e está se tornando mais uma Empresa que visa lucros, trocou princípios por cifrões.

Mas existe seu lado positivo, que não é a Instituição! O lado positivo é a persistência dos estudantes do curso de Jornalismo que mesmo com adversidades se mantêm firmes na convicção de se formarem. Mesmo com a desvalorização do Curso por parte da UNICSUL, ainda temos professores engajados em darem o melhor de si. Mas isso não resolve nosso problema, nosso problema se resolve quando a UNICSUL honrar seu compromisso como Instituição Educacional.

Aí você se pergunta porquê escrevo isso e porquê não desisto desta Universidade? Muito simples, escrevo para tornar pública essa calamidade e também protestar contra a falta de compromisso da UNICSUL. Não me retiro da Universidade porquê tenho um principio que um dia este Grupo Educacional teve, o princípio de valorizar e acreditar na Zona Leste de São Paulo.

Quando a educação deixa de ser um direito e passa a ser uma mercadoria e quando estudantes se tornam clientes, já temos um grande problema, mas esse problema se torna maior quando esses clientes pagam alto por uma mercadoria sucateada.

*Marcello Barbosa é estudante de jornalismo e e blogueiro.

2 comentários:

  1. Apoiado Hermano! Me formei há três anos (pp) e quando estava iniciando o último ano fiz um comunicado diretamente para os sócios e alguns gestores de lá por estarem demitindo bons professores cuja ampla visão parecia incomodar. Também aproveitei pra reclamar da estrutura do curso além claro da não valorização de talentos, o que obviamente congrue com sua queixa de mercantilização do ensino. Após saber da Aquisição da Unicid não tive mais nenhuma dúvida que o compromisso acadêmico da instituição não está em primeiro lugar, por mais que existam palavrinhas bonitas da reitora contradizendo o fato. O sucateamento do Curso de Comunicação começou faz é tempo, nem sei se o Carlos ainda é o Coordenador, mas que já não estava bom, isso você pode acreditar. Talvez a gana deles tenha piorado após o desencarne de um dos sócios, sei lá, vai saber, o dinheiro parece cegar infelizmente, e o pior é rotular isso de crescimento e desenvolvimento. Eu reclamo da Cruzeiro aqui não só por isso, mas porque sou filho de são miguel, cresci vendo essa faculdade e me formei nela, e ver tanta preocupação com grana é triste. Não posso ser ingrato, tive grandes mestres, e ainda os tenho, aprendi muito, não paguei tanto quanto numa FAAP da vida mas as parcelas não foram baratas e ai de mim se atrasasse. Não podemos ficar calados, somos politizados e instruídos, e como eu mesmo disse para eles eles nos ensinaram a criticar, agora os criticamos, é um processo natural. Isso deve servir para que eles saibam que nem todos que se formam lá são robozinhos com diploma, e também para que os outros ratos possam saber em qual ratoeira estão entrando, e com muito esforço consigam achar seu próprio queijo, pois nada é fácil. Continue reclamando e trazendo novas informações do Front, quanto mais conteúdo negativo circulando na net, mais eles vão se preocupar, afinal, isso vai afetar o ''valor de marca'' do grupo, pois sei com toda certeza que com isso eles estão preocupados... ah, pode crer que estão! Afinal, qualquer bomba de internet faz eles perderem milhões de reais em inscritos.

    ResponderExcluir

Comente, Mas Não Desrespeite!!!
Me Reservo ao Direito de Não Publicar Comentários Anônimos Que Denigrem, Atacam ou Caluniam Terceiros.

Ocorreu um erro neste gadget

Simplicidade é Tudo...

Simplicidade é Tudo...
A Complexidade é Simples...