sábado, 25 de outubro de 2014

Considerações finais antes do 2º Turno

Considerações finais antes do 2º Turno

Não posso fingir que não tenho lado, eu sempre tive lado desde 2006 quando votei pela primeira vez. Eu voto Dilma Rousseff 13 para o Brasil continuar avançando e para combatermos o retrocesso.

São 08 anos que acompanho a política assiduamente, e a quinta eleição que participo, sendo a terceira eleição presidencial. Nunca vi uma disputa tão acirrada, tão equilibrada e ao mesmo tempo politizada e suja nas ruas e nas redes. Talvez seja o amadurecimento político da sociedade, mas ainda falta muito bom senso nisto, explico:

Se na apuração Dilma (PT) vencer, os eleitores de Aécio vão estar na rede destilando ódio, usando da xenofobia e culpando nordestinos, “bolsistas” e amaldiçoando todos que votaram na Dilma, para chegarem a conclusão que os eleitores de Dilma são burros. Se acontecer o contrário e Aécio (PSDB) vencer (que isso não aconteça! Inclusive bati três vezes na madeira aqui), os eleitores de Dilma vão culpar a Imprensa, as elites, a burguesia e os analfabetos políticos e chegaram a conclusão que os eleitores de Aécio são burros.

Serei curto e grosso: Burro é o imbecil que não compreende que a Democracia é uma disputa, burro é o FDP que não vai conseguir entender que eleição é a vitória da maioria e NUNCA pode ser questionada, burro é aquele que procura um culpado por sua própria derrota. #prontofalei

Independente d@ eleit@ neste domingo, ele (a) terá que chamar a população para a unidade e quem não for eleito deve ter a responsabilidade política de fazer o mesmo, evitando que este desgaste eleitoral persista, pois nesses últimos dias de campanha o que assistimos foi uma disputa de ódio entre partidários “A” contra “B”.

Não tenho esperança nenhuma e confiança nenhuma em nosso congresso Nacional, vendo as figuras que estão lá, vendo nosso STF com dois pesos e duas medidas, não credito que nenhum presidente possa aprofundar mudanças sem a participação popular, mas acredito que Dilma consegue mobilizar muito mais que Aécio.

Sem uma profunda Reforma Política, que mude estruturas de fato, com clausula de desempenho, votação em lista, fim do financiamento empresarial de campanhas, fim das coligações e principalmente com a limitação de mandatos parlamentares com o direito a apenas uma reeleição (igual para cargos majoritários), talvez possamos qualificar melhor nossa política. Radicalizo um pouco sobre isso e vou além, temos que dar fim ao nosso Sistema Bicameral. Hoje o Senado nada mais é do que um espaço de aposentadoria para oligarcas, caciques e velhos políticos. Uma Câmara dos Deputados já e o bastante para nosso Poder Legislativo. Digo mais, defendo a unificação de todas as eleições em um único dia e o fortalecimento partidário e ideológico, sem esse excesso de personalismos.

Votemos neste domingo com nossas cabeças frias, pois elas raciocinam melhor. Deixemos nossos corações quentes para amar nossas causas e sonhos, e nosso fígado deixemos para a bebida (quem bebe), pois usar o coração na política é fazer uma política irresponsável e melosa ou cheia de mágoas e usar nosso fígado é fazer uma política de ódio, rancorosa.

Para não perder o costume, peço seu voto para #Dilma13

13eijos para cada um de vocês!


Marcello Barbosa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, Mas Não Desrespeite!!!
Me Reservo ao Direito de Não Publicar Comentários Anônimos Que Denigrem, Atacam ou Caluniam Terceiros.

Ocorreu um erro neste gadget

Simplicidade é Tudo...

Simplicidade é Tudo...
A Complexidade é Simples...