segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Após inauguração Rodoanel permanece inacabado

Após inauguração Rodoanel permanece inacabado

Inaugurado as pressas pelo Governador Alckmin por causa do processo eleitoral, o Rodoanel se tornou um péssimo vizinho para os moradores a da cidade. Prefeito Mamoru se omite em cobrar o Estado e a Concessionária SPMar

Marcello Barbosa

O Rodoanel é uma importante obra para a cidade de Itaquaquecetuba e para todo o Estado de São Paulo, através dele teremos um escoamento de nossa carga, nossa mercadoria e assim uma diminuição de trânsito nas marginais, o Rodoanel representa mais desenvolvimento e integração.

O maior problema hoje neste projeto é justamente que o Trecho Leste do Rodoanel foi inaugurado sem a devida finalização das obras, inicialmente foi aberto ao público sem a devida sinalização e hoje seu entorno está completamente abandonado, sem iluminação ou qualquer infraestrutura.

Falta iluminação
Todo o entorno do Rodoanel está sem iluminação pública, inclusive os locais onde há movimentação de pessoas não possui sinalização e trechos como na Estrada de Santa Isabel estão sem calçadas.

Alagamentos
Com as fortes chuvas que caíram em Itaquaquecetuba, várias áreas do Rodoanel ficaram alagadas, bloqueando a passagem dos moradores e de veículos. Até o momento nenhuma obra de prevenção foi efetuada nos locais alagados.

SPMar deve R$ 3 milhões para a Prefeitura
A SPMar, (Concessionária responsável pelo Trecho Leste do Rodoanel) tem uma dívida de aproximadamente R$ 3 milhões de Imposto Sobre Serviços (ISS). Com este valor a Prefeitura poderia investir em infraestrutura nos bairros afetados.

Rodoanel rachado
Outro fator preocupante é o caso das rachaduras em todo o Trecho Leste do Rodoanel que passa por Itaquaquecetuba. Na região do Aracaré as rachaduras são mais graves e pode colocar em risco a vida das pessoas que passam por lá.

Prefeitura se omite com descaso da SPMar
A Prefeitura Municipal de Itaquaquecetuba fecha os olhos para o descalabro do Rodoanel. Desde o inicio das obras vem se omitindo e se cala diante de todos os problemas causados pelo Rodoanel.

Em agosto o Prefeito Mamoru Nakashima (PTN) afirmou para a imprensa local que seria categórico e cobraria a SPMar, de acordo com ele “A SPMar tem obrigações a cumprir. Vou continuar cobrando a empresa, para que realizem as obras de manutenção que ficaram acordadas. Os moradores e a população que acessa os bairros, onde o tráfego de máquinas pesadas foi intensificado com a construção da via, notaram que isso acabou deteriorando diversos locais, e eles não podem ser prejudicados com isso. Não vou descansar enquanto A SPMar não fizer a parte deles”. Já estamos em novembro e a Prefeitura não se moveu. Bairros como Jardim Joandra, Maragogipe, Vila Japão, Jardim São Manoel e Campo da Venda estão abandonados pela Prefeitura.


A Prefeitura se omite em não cobrar os R$ 3 milhões de reais em ISS da SPMar, também se omite em não ter ficado ao lado dos moradores desapropriados que foram vítimas da burocracia e inoperância da própria prefeitura. Outra omissão grave é no reparo e obras de infraestrutura, onde vemos que por onde o Rodoanel passou ficou um verdadeiro cenário de guerra. Aliás, nas redondezas do Rodoanel sobra materiais não utilizados, escombros e falta segurança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, Mas Não Desrespeite!!!
Me Reservo ao Direito de Não Publicar Comentários Anônimos Que Denigrem, Atacam ou Caluniam Terceiros.

Ocorreu um erro neste gadget

Simplicidade é Tudo...

Simplicidade é Tudo...
A Complexidade é Simples...